Após grave lesão de João Paulo, TJD-RJ suspende Rildo por até seis meses
Após grave lesão de João Paulo, TJD-RJ suspende Rildo por até seis meses (Foto: Divulgação/Vasco)

Após entrada dura de Rildo em João Paulo do Botafogo, na vitória crumaltina por 3 a 2, no último domingo (18), o meia botafoguense sofreu grave fratura na fíbula e na tíbia, e passou por cirurgia. Diante disso, o Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-RJ), em audiência nesta segunda-feira (26), ficou decidido por votos unânimes que Rildo estará suspenso nos próximos meses.

De acordo com o julgamento, o prazo será aproximadamente de seis meses, mesmo tempo que os médicos estipularam o retorno de João Paulo aos gramados. O atleta cruzmaltino foi denunciado no artigo 254 II do Código Brasileiro de Justiça Desportiva. O relator Fernando Barbalho, mensurou o caso como nível extremo e pontuou lances que conteve violência de Rildo durante toda a carreira do atleta, relembrando o caso em 2011, quando agrediu um árbitro e o mais recente em 2015, em caso com o goleiro Vandelei. O responsável pela defesa do Vasco foi o advogado Paulo Rubens.

Rildo concedeu depoimentos que durou pouco menos de dez minutos. O atacante tentou justificar os casos relembrou pelo relator nos últimos anos e além disso falou sobre a visita que fez a João Paulo no hospital. Na visita, Rildo se desculpou com João e com sua esposa que estava presente no dia.

Além disso, o árbitro da partida, Leonardo Garcia Cavaleiro, foi suspenso pela FERJ (Federação de Futebol do Rio de Janeiro). A Comissão de Arbitragem do Rio de Janeiro (Coaf-RJ) anunciou que não tomarei nenhuma medida punitiva contra Cavaleiro. Entretanto, isso mudou após uma reunião dos membros da Coaf-RJ e do vice presidente da FERJ, José Luiz Marinelli e representantes do Botafogo. O Clube já havia entrado com uma representação contra o juiz.

Fora disso, Rildo se lesionou no mesmo jogo. O atleta vem se recuperando de uma luxação no ombro esquerdo que sofreu após uma divida com Igor Rabello. O jogador passou por exames, que não apresentou sequela grave, no entanto, já havia sido anunciado que estaria fora por um mês.

VAVEL Logo