Zé Ricardo enaltece classificação do Vasco: ''Desejo grande de ser campeão''
(Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Com emoção do início ao fim e duas viradas, o Vasco se classificou para final do Campeonato Carioca após vitória diante do Fluminense. Zé Ricardo falou após o jogo no Maracanã

Zé comentou sobre o regulamento do Campeonato, enalteceu bastante seu elenco de inúmeras formas, pediu paciência com alguns jogadores e frisou a importância de fazer bons jogos na final de 180 minutos. 

O treinador chegou à sala de imprensa elogiando a partida feita pelo Almirante e ressaltou a luta do time: “Antes de qualquer análise, temos que enaltecer o grupo. Se não foi um grande jogo, tivemos muita vontade. Esse grupo já passou por dificuldades maiores e superou. Paulinho e Desábato vem fazendo boas partidas. Estava com medo de colocar o Paulinho, não estava 100%”, elogiou. 

Zé seguiu enaltecendo os jogadores vascaínos e elogiou também a organização e força do rival nas semifinais: “Sem dúvida foi uma emoção das grandes. Um desejo muito pessoal colocar o Vasco na decisão. Fazendo um jogo com dedicação, organização, poderíamos chegar. O Fluminense é forte e organizado. Enalteço ainda mais os nossos jogadores. Conseguimos marcar três gols”

O técnico do time de São Januário falou sobre desgaste e ainda lembrou o jogo da Libertadores, no próximo dia 4, como fatores importantes: “Agora é descansar. Amanhã começamos a ver o desgaste dos atletas. Foi muito cansativo. Entre as duas partidas pela final ainda temos o jogo da Libertadores. Botafogo mostrou que está em evolução, precisamos estar bem para fazer dois bons jogos”, analisou. 

Sobre Fabrício e Galhardo, o comandante pediu paciência por parte dos adeptos do clube e ainda afirmou, que em forma, os laterais tem muito a ajudar o Vasco em 2018. 

“Se tenho direito de pedir para torcida, queria que tivessem paciência com o Fabrício e Galhardo, que jogaram pouco ano passado. Pode nos ajudar. Demanda um pouco de tempo a mais para entrarem em forma. No gol do Fluminense pode ter incomodado ele (Fabrício). Disse ao Fabrício que confio nele. São as histórias do futebol. Espero que tenham paciência com ele. Vai entrar em forma e nos ajudar”, pediu o treinador. 

Zé Ricardo contou também sobre o desejo de ser campeão pelo Vasco e sobre participar do processo de reconstrução do clube: “É uma das coincidências da vida. Tenho um desejo grande de ser campeão pelo Vasco, de ajudar na reestruturação. Se vier, será muito bom para os que estão trabalhando no clube. Construímos uma trajetória bonita desde o ano passado”.

Na sequência o treinador vascaíno falou sobre a evolução do time e analisou a boa partda tática feita pelo Cruz-maltino: “Não trabalho para dar resposta para ninguém. Nosso trabalho é sagrado. Temos muito a evoluir. Tivemos bons momentos táticos, principalmente na etapa incial. Conseguimos neutralizar. Depois o Flu teve domínio do campo. Nossa evolução vai acontecer naturalmente”

Apesar de não haver destaques individuais, algo reconhecido por Zé Ricardo, o mesmo afirma que tenta tirar algo a mais do coletivo e elogiou o respeito e inteligência da equipe. 

“Temos um grupo muito bom, um ambiente muito bom. Só estamos trabalhando para que isso continue. Não temos uma equipe fortíssima individualmente, mas tentamos tirar essa diferença no coletivo. São inteligentes e se respeitam”, contou. 

Sobre o regulamento do campeonato o técnico foi sucinto e afirmou que todos os clubes concordaram com o projeto de competição apresentado: “Difícil falar sobre regulamento, fórmula do torneio. Todos os clubes assinaram. Não temos o que reclamar. Vamos nos preparar ao máximo possível para chegarmos fortes na decisão", finalizou.

VAVEL Logo