Lateral-direito artilheiro, Yago Pikachu vibra com vitória e não se diz herói por gols
(Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Yago Pikachu decidiu a primeira partida da final do Campeonato Carioca. O profissional marcou dois gols na vitória por 3 a 2 do Vasco e foi fundamental para a vantagem conquistada pela equipe para o segundo jogo, no próximo domingo (8), no Maracanã

O atleta que veio do Paysandu para a Colina se tornou hoje o lateral-direito com mais gols no século do Almirante. São 16 gols em 102 jogos. O atleta superou Fagner, que tinha 14 tentos em 172 partidas. 

Para se tornar o maior lateral destro, no quesito gols, do clube carioca o camisa 22 precisa de mais 15 gols para chegar aos 31, assim ultrapassando Orlando Lelé que marcou 30 vezes entre 1977 e 1981. 

O jogador elogiou os companheiros, falou da motivação pelos gols nos minutos finais da partida, disse não se sentir um herói pelos tentos marcados na grande decisão e frisou que ainda tem 90 minutos. 

“Não me considero herói, todos estão de parabéns pela dedicação. Sempre é sofrido, só fazemos gols aos 47, 48, 50. Isso nos motiva mais, não desanimamos em nenhum momento. Mostramos isso todo jogo. Todos estão de parabéns, mais uma vez uma grande partida, com bastante gols. É tranquilidade para o próximo duelo, temos uma vantagem boa, mas não tem nada definido”

Pikachu comentou sobre a sequência de grandes jogos, falou sobre combinado interno entre os jogadores e elogiou o adversário de quarta-feira (4), pela Libertadores, o Cruzeiro

“A gente gosta (jogos importantes), queria passar por essa fase. Fizemos um pacto que tínhamos quatro finais, contando o jogo contra o Fluminense. Já passamos por duas, temos mais duas, mas sabemos que cada jogo é complicado. Temos um adversário com elenco dos melhores do Brasil, que é o Cruzeiro. Temos que descansar, comemorar a vitória, porque quarta é mais uma decisão”

VAVEL Logo