Fernando Diniz admite queda de ritmo, mas ressalta: "Foi uma vitória merecida"
Foto: Miguel Locatelli / Site Oficial CAP

O Atlético-PR saiu vitorioso contra o São Paulo nesta quarta-feira (4), na Arena da Baixada, em confronto válido pela partida de ida da quarta fase da Copa do Brasil 2018. A vitoria por 2 a 1 coloca o Furacão em uma situação confortável para a partida de volta no Morumbi, já que um empate em São Paulo classifica o time paranaense. Os gols foram marcados por Pablo e Paulo André. Tréllez marcou pelo Tricolor Paulista.

Fernando Diniz, treinador da equipe paranaense falou sobre as dificuldades encontradas durante a partida. A equipe fez um bom início de jogo, mas acabou perdendo ritmo.

“Foi um jogo bastante difícil, equilibrado, mas a gente teve no primeiro tempo um volume bem maior de posse de bola. No segundo, isso se inverteu, mas tivemos mais chances de gol e foi uma vitória merecida”, disse o treinador após a partida.

A vantagem conquistada pelo Furacão garante a passagem para a próxima fase da competição com um empate na partida de volta do confronto. O treinador da equipe rubro-negra comentou sobre o resultado e também sobre as dificuldades encontradas durante a partida.

“A equipe saber sofrer é uma virtude, contra o Tubarão a gente teve muito mais coisas positivas do que negativas, contra Ceará nos tivemos muito mais coisas positivas do que negativas. E que pese a equipe está fazendo seu quinto jogo, jogando em um modelo totalmente diferente, a gente está encontrando ainda a equipe ideal. A gente enfrentou um grande adversário que melhorou muito e que por muito pouco não era finalista do paulista”, ressaltou o treinador do Furacão.

Apesar de ter poucas partidas na temporada, visto que o Atlético-PR usa uma equipe alternativa no estadual, a evolução tem sido uma constante. O comandante atleticano garante que a equipe ainda pode evoluir e promete um time ainda mais forte para a partida de volta.

“O time está evoluindo. Temos muito a melhorar, até pelo modelo tático ser mais aberto que os tradicionais. No jogo de volta, um dos fatores que vai fazer a equipe evoluir será essa sequência maior de jogos. Ainda estamos adaptando o time a esse novo esquema. Essa maratona vai chegar no momento certo”, concluiu  o treinador rubro-negro.

A partida de volta entre as duas equipes está marcada para o dia 19, no Morumbi, em São Paulo. Antes disso, o Tricolor Paulista entra em campo pela Copa Sul-americana, no próximo dia 12 contra a equipe do Rosário Central na Argentina. No dia 16 o time paulista estreia no Campeonato Brasileiro 2018 contra o Paraná, no Morumbi.

Já o Furacão enfrenta o Coritiba na Arena da Baixada, neste domingo (8), pela partida de volta da final do Paranaense. O Coxa saiu em vantagem, depois de ganhar o primeiro jogo por 1 a 0. Na sequência, o clube recebe Newell´s Old Boys no dia 12 pela Copa Sul-americana. A estreia da equipe rubro-negra no Campeonato Brasileiro está marcada para o dia 15 contra a Chapecoense, também na Arena da Baixada.

VAVEL Logo