Argel lamenta falhas em derrota do Criciúma na abertura da Série B: "Resultado deveria ser empate"

Técnico e jogadores do Tigre espera que time aprenda com os erros após perder, de virada, por 3 a 2 para o Atlético-GO na abertura da Segundona

Argel lamenta falhas em derrota do Criciúma na abertura da Série B: "Resultado deveria ser empate"
Foto: Divulgação/Criciúma EC

O Criciúma estreou pela Série B contra o Atlético-GO, em Goiânia, com uma derrota de virada por 3 a 2. O Tigre até saiu na frente no placar, mas com falhas individuais acabou deixando escapar os três pontos.

O técnico Argel Fucks acredita que o resultado foi injusto. Para Argel, a equipe fez uma boa atuação, principalmente no primeiro tempo e deveria ter saído no mínimo com o empate de Goiânia, mas também destacou as falhas do time.

"Você não pode treinar durante 13 dias e cometer falhas. Você espera acontecer e depois treina. Vamos debater em cima dos erros, mostrar porque tomamos os gols. Volto a dizer, o resultado na pior das hipóteses deveria ter sido empate", afirmou o treinador. 

O lateral direito Suéliton também lamentou a derrota, mas disse que ainda há muito campeonato pela frente.

"Agora é levantar a cabeça, temos que pontuar. Foi infelicidade, não pode apontar um só jogador. Estamos juntos, temos que dar moral para quem jogou. Uma pena que tomamos gol bobo e perdemos. Queria pelo menos o empate. Por tudo que fizemos no primeiro tempo e a coragem no segundo. Temos 37 guerras pela frente. Queríamos trazer aquele jogo que vinha no Catarinense, uma pena as coisas não aconteceram. Ver os erros para o próximo jogo. Era uma estreia, jogo importante. Saímos na frente e com erros coletivos não seguramos o placar. Levantar a cabeça e fazer os pontos em casa", completou Suéliton.

Após o jogo, o meia Élvis acabou desabafando sobre os erros que a equipe cometeu durante a partida. "Não é mais Catarinense. É Série B, errou, toma gol. Erramos e não pode errar. Acabou o Catarinense", destacou.

No próximo sábado (21), o Tigre busca sua primeira vitória no Campeonato e recebe a Ponte Preta, no Heriberto Hülse, às 19h.