Jair Ventura analisa revés e defende Gabriel: "Vamos ganhar e perder juntos"
Foto: Ivan Storti/Santos FC

Jair Ventura analisa revés e defende Gabriel: "Vamos ganhar e perder juntos"

Peixe teve uma das piores atuações em 2018 diante do Nacional-URU e acabou derrotado pela Libertadores

Millamagalhaes3
Camilla Magalhães

Nesta terça-feira (1°)  o Santos foi derrotado por 1 a 0 para o Nacional, no estádio Parque Central, no Uruguai, em jogo válido pela quinta rodada da fase de grupos da Libertadores. O Peixe, porém, já garantiu a classificação às oitavas de final, após o empate sem gols entre Estudiantes e Real Garcilaso. O técnico Jair Ventura analisou a derrota da equipe alvinegra, que teve uma de suas piores atuações em 2018.

"Cobro muito o elenco na vitória, na derrota, no empate. A gente está sempre cobrando. A busca de excelência é complicada. Vamos entrar em todas as competições para ganhar títulos. Tivemos um grande aprendizado na altitude, fizemos grandes jogos em casa, fizemos jogos não tão bons fora de casa. Temos que buscar equilibrio. Não adianta jogar bem só em casa. Temos que vender caro fora de casa. É buscar o equilíbrio. O fator campo na Libertadores é muito importante", disse o técnico do Peixe

O treinador ainda aproveitou para analisar como o time uruguaio aproveitou a fragilidade do Peixe. 

"O Nacional trabalhou muito nos nossos erros. Tivemos mais posse, mais as melhores oportunidades foram do Nacional. Falei desse perigo. De 30 cruzamentos, um eles acertaram. Não estávamos no melhor dia. Não posso atribuir isso a nossos atletas. Não fizemos nosso melhor jogo. ", emendou o técnico. 

Gabigol novamente não fez uma boa partida e perdeu a única chance de gol do Peixe, no jogo. Jair Ventura e o lateral Dodô, saíram em defesa do atacante. 

"Quando a gente perde, a gente começa a querer caçar bruxas, achar vilões... Na maioria das vezes, no Brasil, essa caça é ao treinador. Saio em defesa do Gabriel. A equipe não conseguiu fazer um grande jogo. O responsável não foi só o Gabriel. Vamos ganhar e perder todos juntos. ", disse Jair. 

" A gente não teve uma partida brilhante. Temos que pensar internamente. Respeito muito a opinião dos torcedores, mas temos que focar nas nossas convicções. O torcedor está do nosso lado. Ele quer o melhor para o Santos. Não tem como julgar a atuação de um indivíduo só. Isso é do ser humano. O William Machado, que hoje é nosso gerente, uma vez falou uma frase no Corinthians que eu levo para a vida: Errar é humano, colocar a culpa no outro é mais humano ainda. ", emendou Dodô. 

O Santos, permanece na primeira colocação do grupo 6, com nove pontos. Nacional-URU com oito pontos e Estudiantes e Real Garcilaso, com cinco pontos cada, completam a chave.  O Peixe encerra sua participação na fase de grupos da Libertadores, no dia 24 de abril, diante do Real Garcilaso, no Pacaembu. 

Agora, o Alvinegro Praiano volta suas atenções ao Campeonato Brasileiro, onde enfrenta o Grêmio no próximo domingo (6), na Arena do Grêmio, às 19h. O Peixe tem três pontos, em dois jogos disputados.

VAVEL Logo
    CHAT