Fluminense sai atrás, mas busca virada sobre o Vitória no Barradão
Foto: Lucas Merçon / Fluminense

Fluminense sai atrás, mas busca virada sobre o Vitória no Barradão

Neilton põe os donos da casa em vantagem, mas Tricolor cresce na etapa final e busca a virada com gols de Pablo Dyego e Gilberto. Leão segue sem vencer na Série A

RRodrigues_95
Rodrigo Rodrigues
VitóriaCaíque, Jeferson, Kanu, Aderllan (Ramon) e Pedro Botelho; Uillian Correia, Rhayner; Neilton (Alex Baumjohann) e Wallyson; Yago (Luan) e Denílson Técnico: Vagner Mancini.
FluminenseJúlio César, Renato Chaves, Frasan e Nathan Ribeiro; Gilberto, Richard, Jadson (Robinho), Sornoza e Marlon; Marcos Júnior (Pablo Dyego) e Pedro (Dodi) Técnico: Abel Braga.
PlacarNeilton, aos 20' do primeiro tempo; Pablo Dyego, aos 27', e Gilberto, aos 40' do segundo tempo.
ÁRBITRORodrigo D´alonso Ferreira (SC-CBF).
INCIDENCIASJogo válido pela 4ª rodada do Campeonato Brasileiro Série A 2018.

O Fluminense alcançou o seu primeiro triunfo fora de casa no Campeonato Brasileiro ao bater o Vitória de virada por 2 a 1, neste domingo (6), no Barradão. Neilton abriu o placar no primeiro tempo, mas Pablo Dyego e Gilberto marcaram a favor do Tricolor na etapa final. Assim, o Tricolor quebrou um tabu que durava oito anos. Desde 2010 que o Flu não conquistava um resultado positivo atuando em Salvador.

Mesmo jogando fora de casa, Fluminense começou o jogo mais agressivo que o Vitória. O Tricolor encontrava mais espaços para jogar, tinha a posse de bola e, com isso, criava oportunidades. A primeira delas foi com o lateral Marlon, que em cobrança de falta perigosa, obrigou o goleiro Caíque a fazer ótima defesa, aos três minutos. Os mandantes, por sua vez, erravam passes e pouco conseguia ameaçar o Tricolor.

Isso mudou aos 20 minutos, quando em sua primeira chegada com perigo, o Vitória conseguiu marcar. Jefferson foi ao fundo pela direita e cruzou rasteiro para Neilton, que  pegou de primeira e abriu o placar para os donos da casa. Depois, o jogo continuou corrido, mas com poucas chances de gol. E assim permaneceu até o fim da primeira etapa.

Gilberto e Neílton em ação no Barradão (Foto: Lucas Merçon/FFC)
Gilberto e Neílton em ação no Barradão (Foto: Lucas Merçon/FFC)

Na volta para o segundo tempo, o Fluminense, em desvantagem no placar, fez uma alteração no ataque: saiu Marcos Junior e entrou o Pablo Dyego. Entretanto, o jogo era muito fraco tecnicamente. Os dois times não conseguiam criar e erravam passes demais. Aos 19, foi a vez do Vitória mexer no time, com a entrada de Luan na vaga de Yago.

O panorama do jogo, no entanto, continuava o mesmo. O Vitória ficava mais fechado, enquanto o Flu ia ao ataque em busca do empate, que veio aos 27 minutos. Pedro ganhou a bola na área e tocou para trás, Pablo Dyego chutou e deixou o confronto tudo igual. Empolgado, o Tricolor cresceu após o gol e, assim, buscou a virada. Aos 40, Sornoza cobrou escanteio e Gilberto marcou o segundo tento dos visitantes.

Com o resultado, o Fluminense sobe para a sexta posição com sete pontos, enquanto o Vitória, ainda sem vencer no Brasileiro, soma apenas um e amarga a vice-lanterna. Próximo compromisso do Tricolor é pela Sul-Americana, onde encara o Nacional Potosí, na Bolívia. O Leão, por sua vez, volta a campo nesta quinta-feira (10), quando visita o Corinthians pela Copa do Brasil.

VAVEL Logo

Fluminense FC Notícias

há 5 horas
há 15 horas
há 21 horas
há 2 dias
há 3 dias
há 4 dias
há 5 dias
há 5 dias
há 8 dias
há 8 dias
há 10 dias