Vices do Fluminense renunciam e Abad pode ter problemas no Conselho Deliberativo
Fluminense

Vices do Fluminense renunciam e Abad pode ter problemas no Conselho Deliberativo

Saída foi por conta de visões diferentes na maneira de gerir o clube das Laranjeiras

Araujo_Luis
Luis Araujo

Pedro Abad vem enfrentando diversos problemas em sua gestão a frente da presidência do Fluminense. E apesar da equipe estar vivendo um bom momento em campo, o cenário político pode piorar nas próximas semanas.

Segundo informações do portal "Netflu" , o vice-presidente patrimonial, Cacá Cardoso, o vice financeiro, Diogo Bueno, o vice de marketing, publicidade e relações externos, Idel Halfen, o vice de interesses legais, Michel Pachá e, por fim, o vice de governança, Sandor Hagen, renunciaram seus cargos nesta quinta-feira (17).

A motivação seriam as visões diferentes na maneira de gerir o clube. Desta forma, Pedro Abad fica isolado com o que restou da Flusócio, além da companhia do FluBase e dos Esportes Olímpicos.

Circula pelas redes sociais um comunicado onde Diogo Bueno anuncia sua saída. No texto, ele cita os outros vices que também devem seguir o mesmo caminho que ele. 

Confira a mensagem:

“Caros Amigos,

Nos últimos 17 meses tive a honra de ser Vice Presidente da Instituição que tanto admiro, amo e que “acelera o coração de tricolores em toda terra vendo o Maraca cantar”.

Escrevo a todos para informar que na data de hoje, dia 17/05/2018, não faço mais parte da Diretoria do Fluminense Football Club, tendo renunciado ao cargo de Vice Presidente de Finanças.

Estarei sempre à disposição para ajudar no que for preciso o Fluminense.

Saudações Tricolores!!!!!!

Diogo Bueno”

VAVEL Logo

    Fluminense FC Notícias

    há 17 horas
    há um dia
    há um dia
    há 2 dias
    há 3 dias
    há 4 dias
    há 5 dias
    há 6 dias
    há 9 dias
    há 8 dias
    há 11 dias