Abel Braga elogia postura do Fluminense contra Atlético-PR: "Fomos cirúrgicos"

Treinador mostra orgulho pelo futebol apresentado nos últimos jogos

Abel Braga elogia postura do Fluminense contra Atlético-PR: "Fomos cirúrgicos"
Foto: Lucas Merçon / Fluminense

No reencontro com o Maracanã, o Fluminense venceu o Atlético-PR por 2 a 0, na noite deste domingo (20). Os gols da vitória foram de Thiago Heleno contra e Marcos Jr.

O treinador Abel Braga falou com a imprensa sobre a vitória e elogiou a postura da equipe em campo.

"Uso a palavra da moda, fomos cirúrgicos, além dos dois gols, tivemos mais quatro, cinco contra-ataques, que se tivéssemos caprichado teríamos feito mais gols. Falei: 'Deixa eles virem perder a bola, que a gente contra-ataca", disse Abel.

Com a vitória, o Flu subiu quatro posições e dorme na quinta colocação, com 10 pontos, mas ainda pode ser ultrapassado pelo Internacional, que joga nesta segunda-feira (21). O Tricolor terá a semana cheia de treinamentos e volta a campo, no próximo sábado (26), contra a Chapecoense, no Maracanã

Outros pontos da coletiva

Estilo de jogo

Uso a palavra da moda, fomos cirúrgicos, além dos dois gols, tivemos mais quatro, cinco contra-ataques, que se tivéssemos caprichado teríamos feito mais gols. Falei: "Deixa eles virem perder a bola, que a gente contra-ataca".

O que disse aos jogadores

Falo para eles acreditarem. Mostrei a eles pelo vídeo que não adiantava ir em cima deles. Passaria o jogo contra o Cruzeiro em casa, mas passei do Palmeiras. Situações bem parecidas, na perda de bola eles serem contra-atacados. Segundo volante do Palmeiras fez dois gols e o outro foi do Marcos Rocha. Bruno Henrique carregou a bola o campo todo. Além disso, passamos números bem interessantes para eles, do que têm sido Atlético no primeiro e no segundo tempo.

Consistência

A consistência tem que durar. Não posso falar como vai ser daqui para frente. Sei que vamos botar alma em cada jogo, ter consciência de que não existem jogos iguais. Jogo hoje foi estratégia atípica. Falei: “não se preocupa com a posse de bola. Dá para eles". Segundo e no primeiro tempo nós tivemos muitas chances. Como na derrota para o Botafogo, esses caras continuam me dando orgulho.

Jogadores

Estão botando alma impressionante. Nós somos equipe humilde, mas não vão ganhar com sobra da gente. Botafogo e Corinthians não ganharam sobrando. Foi com ... piscando. Não é mole não.