Diretor de futebol do Atlético, Gallo critica arbitragem: "Não vamos mais aceitar essa situação"
Foto: Divulgação/Atlético-MG

Diretor de futebol do Atlético, Gallo critica arbitragem: "Não vamos mais aceitar essa situação"

Gallo questionou o lance da penalidade máxima marcada para o Sport na derrota do Alvinegro por 3 a 2; segundo o dirigente, a arbitragem não tem critério em partidas do time

IzabelleFranca
Izabelle França

A oitava rodada do Campeonato Brasileiro, deixou um gosto amargo para o Atlético-MG.  O time alvinegro chegou a estar vencendo por 2 a 1, mas acabou perdendo por 3 a 2 para o Sport, na noite desta quarta-feira (30), na Ilha do Retiro. Um lance decisivo foi o pênalti marcado pela arbitragem em falta do zagueiro Gabriel. O diretor de futebol do clube, Alexandre Gallo, questionou os critérios utilizado pela arbitragem, no qual, a equipe nunca é favorecida.

"Vim aqui hoje falar de arbitragem. Não podemos mais uma vez estar aqui reclamando.  Estamos tentando uma aproximação com a arbitragem da CBF. Somos bem tratados lá, mas queremos exclusivamente critério. Isso já aconteceu contra o Atlético-MG por cinco vezes. Temos gravados por cinco jogos, um pênalti exatamente igual que não foi dado para o Atlético-MG e isso nos incomoda bastante", reclamou.

Em jogo acirrado, Gallo mencionou que o time lutou pela vitória, todavia, reforçou que o ocorrido não pode se repetir e lembrou que o respeito está sempre à frente.

"Não vamos aceitar uma próxima situação dessa,que aconteceu para a gente em cinco oportunidades e na primeira contra, pelo árbitro da lateral do campo. A gente respeita isso e deve acontecer, mas o critério não pode ser dois pesos e duas medidas", destacou.

Com sua segunda derrota seguida no Brasileirão, o Galo permanece com 13 pontos na tabela, mas para sétimo lugar. O Atlético volta a campo às 16h, no próximo sábado (2), contra a Chapecoense, no Independência.

VAVEL Logo

Atlético MG Notícias

há 8 horas
há 4 dias
há 4 dias
há 8 dias
há 9 dias
há 12 dias
há 13 dias
há 12 dias
há 13 dias
há 16 dias
há 25 dias