Em duelo inédito, Chapecoense aumenta crise do Ceará e sai da zona de rebaixamento

Em confronto direto na tabela, Chape garantiu sua segunda vitória como mandante e conseguiu deixar o z4

Em duelo inédito, Chapecoense aumenta crise do Ceará e sai da zona de rebaixamento
Foto: Associação Chapecoense de Futebol
Chapecoense
2 0
Ceará

Na noite desta quarta-feira (30), a Chapecoense recebeu o Ceará, na Arena Condá, em jogo válido pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro Série A. E com gols de  Arthur Caíke e Canteros, o time catarinense bateu o Vozão por 2 a 0 e deixou a zona de rebaixamento, indo aos 9 pontos e ocupando agora, a décima quarta posição na tabela. Já o time cearense, segue n décima nona posição, com apenas 3 pontos somados.

Após duas derrotas consecutivas, a Chapecoense precisava da vitória para sair do z4 e diminuir a pressão. E logo após o apito inicial, a Chape começou se impondo ofensivamente, com uma marcação alta, deixando o Ceará no decurso do chutão para o campo de ataque. Aos 17 minutos, Leandro Pereira serviu Guilherme no lado esquerdo. Ele bateu cruzado, mas o goleiro Everson defendeu. 

O Vozão, por sua vez, só levou perigo aos 28 minutos. Depois de uma cobrança de escanteio,  a zaga da equipe catarinense não conseguiu afastar, Valdo desviou à direita do goleiro Jandrei. Dois minutos depois,  Márcio Araújo girou na entrada da área e bateu de esquerda, no centro do gol, para defesa do arqueiro do Ceará. Aos 35, Arthur Caíke ficou com a sobra dentro da área e chutou. A bola passou muito perto da meta cearense. 

A Chape voltou para o segundo tempo a todo valor, e logo nos primeiros minutos quase abre o marcador. Canteros levantou da direita e Arthur Caíke desviou de cabeça. O Ceará respondeu minutos depois com Hyuri, que bateu cruzado para a defesa de Jandrei. Aos 10 minutos, Wescley ganhou de Douglas e chutou colocado buscando o canto direito, mas a bola se perdeu pela linha de fundo, para alívio da torcida da Chape. 

Aos 17, Wellington Paulista, que havia acabado de entrar, cruzou da direita, a bola passou pela defesa da equipe cearense e Arthur Caíke mergulhou para cabecear e abrir o placar na Arena Condá. 

O segundo gol da equipe mandante veio aos 33 minutos, em uma bela cobrança de falta de Canteros, decretando a vitória da Chapecoense.

Pela nona rodada do Campeonato Brasileiro Série A, a Chapecoense visita o Atlético-MG, no próximo sábado (2), às 16h, no estádio Independência. Já o Ceará recebe o Cruzeiro, na Arena Castelão, às 19h, no domingo (3).