Mauricio Barbieri elogia equipe e mostra otimismo para próximos jogos do Flamengo

Treinador fala comentou sobre o "protagonismo" do time, evolução de Renê e relação com torcida

Mauricio Barbieri elogia equipe e mostra otimismo para próximos jogos do Flamengo
Gilvan de Souza/Flamengo

Após uma importante vitória por 2 a 0 diante do Bahia, dentro de casa, Mauricio Barbieri concedeu entrevista coletiva se mostrou bastante contente com o resultado e a retomada da liderança do Campeonato Brasileiro - agora o Flamengo soma 17 pontos, um a mais que o São Paulo.

O treinador também falou sobre as atuações de Diego, Paquetá e Renê, que na opinião de muitos, foram os melhores em campo. 

"Fizemos um primeiro tempo muito bom. Trabalhamos muito durante a semana. Há dois jogos não tínhamos esse protagonismo. O Diego fez um grande primeiro tempo. O gol do Paquetá também foi uma situação que a gente pede e cobra", destacou.

Com uma atuação bastante segura e ofensiva, o Flamengo, segundo o próprio treinador, voltou a ter o papel de protagonista do jogo, ou seja, atacando bastante, mantendo o controle da posse de bola e sem levar sustos na defesa. Diferentemente do que aconteceu nas últimas duas partidas, contra River Plate e Atlético-MG.

"A ideia não é transformar o Flamengo em uma equipe que jogue no contra-ataque. De forma alguma. Mas a ideia é que o Flamengo saiba jogar quando não tenha a bola e consiga um primeiro tempo como hoje", disse.

No próximo domingo (3), o rubro-negro carioca recebe - também às 16h - o campeão da edição passada, o Corinthians. Barbieri também falou sobre esse duelo, que, segundo ele, será bastante difícil e equilibrado.

"Mais uma decisão. Precisamos jogar do mesmo jeito. Campeonato de pontos corridos você precisa dessa regularidade. O Corinthians é uma grande equipe. Mas o Flamengo é muito forte em casa. Acho que o melhor mandante. Contamos com a torcida para buscar a vitória", ressaltou.