Neymar comemora volta aos gramados, mas frisa: "Ainda sinto incômodos"

Camisa 10 declarou estar ainda com 80% da sua capacidade física e técnica

Neymar comemora volta aos gramados, mas frisa: "Ainda sinto incômodos"
Neymar volta a disputar uma partida após 3 meses parado (foto: Divulgação/CBF)

O principal destaque da vitória da Seleção Brasileira sobre a Croácia, na manhã desse domingo (03), em Anfield na Inglaterra, foi a volta de Neymar aos gramados. Autor do primeiro dos dois gols do Brasil no amistoso, o jogador não participava de uma partida há mais de 3 meses, devido a uma fissura no metatarso do pé direito. Em entrevista na zona mista, o atacante comentou sobre seu retorno aos campos.

“Uma felicidade muito grande. Mas ainda tenho certo receio, certo medo, mas isso é pouco a pouco. A cada treinamento vou me soltando mais”, disse o atacante.

Neymar também falou sobre a possibilidade de atuar os 90 minutos no jogo contra a Áustria, no próximo domingo, o último antes da estreia na Copa do Mundo.

“Pouco a pouco vou melhorando. Estou feliz por hoje. Ainda sinto alguns incômodos, mas são normais por ter ficado muito tempo sem pisar. Estou 80%”, reforçou.

Capitão da equipe pela primeira vez, Gabriel Jesus analisou o desempenho do time durante a partida, e falou sobre a responsabilidade de usar a braçadeira da seleção

“Sofrer é normal. Basta a gente fazer o que fez hoje. É saber sofrer, não levar gols no momento em que estiver sofrendo. Isso ficou bem claro. Fiquei feliz pela confiança, pela responsabilidade de liderança. Todos temos que assumir a liderança, de falar, de se ajudar, se cobrar, ser cobrado." explicou o jogador

Rival direto no ataque da seleção, Jesus comentou como vem sendo  a disputa com Roberto Firmino pela titularidade na equipe.

“Boa, é bom para ele, para mim, para a Seleção, que tem dois jogadores à disposição. Tenho certeza de que quem jogar vai ajudar muito o Brasil”, apreciou.