Jefferson atinge recorde com camisa do Botafogo e enfatiza: "É bom fazer história aqui"

O goleiro ultrapassou Waltencir e agora é isoladamente o terceiro jogador com maior número de partidas pelo alvinegro

Jefferson atinge recorde com camisa do Botafogo e enfatiza: "É bom fazer história aqui"
Vitor Silva/SSPress/Botafogo

Em confronto válido pela décima rodada do Campeonato Brasileiro, o Botafogo tropeçou em casa contra o Ceará. Com um desempenho apático e aquém do esperado, o alvinegro carioca saiu de campo debaixo de vaias da torcida.

Porém, o empate em 1 a 1 contra o lanterna da competição não diminuiu a grande “atração” da noite. Titular na partida, o goleiro Jefferson, que estava empatado em número de jogos com a camisa alvinegra com Waltencir  (453 jogos cada), ultrapassou o ex-jogador e agora, com 454 jogos, é o terceiro que mais vestiu a camisa do Botafogo em partidas oficiais.

Em entrevista após o jogo, o goleiro comentou sobre o feito histórico.

Hoje na atualidade é difícil o jogador ficar muito tempo no mesmo clube. A gente vê ai o próprio Cássio, o Fábio, que estão fazendo história nos seus clubes. Acho que hoje posso dizer que sou um dos últimos, fico feliz realmente de poder fazer história no Botafogo”, disse.

Jefferson lamentou o empate e falou sobre a preocupação com o zagueiro Yago, que mesmo lúcido foi levado de ambulância após choque de cabeça dentro da área do adversário. O Glorioso terminou a partida com 10 jogadores em campo, por já ter feito as três alterações quando o choque aconteceu.

Graças a Deus consegui entrar pra história do Botafogo com esses 454 jogos, mas é claro que eu gostaria de terminar o dia com uma grande vitória  e infelizmente não veio essa vitória. E muito mais que isso é a preocupação com nosso companheiro Yago que tá no hospital. Vamos fazer uma oração para que não seja nada de muito grave, a gente fica torcendo por que cabeça é uma coisa bastante perigosa, então agora é esquecer um pouco esse resultado e torcer pro Yago ficar bem o mais rápido possível”.

O Botafogo, através das redes sociais, informou que o jogador foi encaminhado ao hospital e encontrava-se lúcido e amparado, e que seriam realizadas avaliações padrões para casos de choques na cabeça.

A próxima partida do Glorioso pelo Campeonato Brasileiro será nesse domingo (10) contra o Bahia, fora de casa.