Bruno Mendes volta a marcar, Guarani vence e substitui Coritiba no G-4

Coxa continua em jejum de vitórias longe do Couto Pereira, e Bugre comemora vitória por 2 a 1 com vaga no grupo de acesso

Bruno Mendes volta a marcar, Guarani vence e substitui Coritiba no G-4
Foto: Divulgação/Guarani FC
Guarani
2 1
Coritiba
Guarani: Oliveira; Kevin, Everton Alemão, Edson Silva, Pará; Willian Oliveira, Ricardinho, Denner (Rondinelly min.71), Rafael Longuine; Bruno Mendes (Poveda, min. 84), Matheus Oliveira (Caíque min.79).
Coritiba: Wilson; Vinícuis Kiss (Pablo min. 63), Thallison Kelven, Alex Alves, William Matheus; Alisson Farias, Simião (Jonatas Belusso min. 71), Vitor Carvalho (Yan Sasse min.54), Uillian Correia; Guilherme Parede, Bruno Moraes.
Placar: 1-0, Pará, Min. 3. 1-1, Guilherme Parede, Min. 43. 2-1, Bruno Mendes, Min. 47.
INCIDENCIAS: Partida válida pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B 2018, disputada no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas.

Guarani e Coritiba abriram a 15ª rodada da Série B em jogo movimentado nesta terça-feira, em Campinas. O Bugre saiu com a vitória por 2 a 1, graças aos gols de Pará e Bruno Mendes. O primeiro gol, logo no início da partida, aos três do primeiro tempo e o segundo, na volta dos vestiários, aos dois do segundo tempo. O gol do Coxa foi anotado por Guilherme Parede, aos 43 do primeiro tempo.

Com a vitória, o Alviverde paulista entrou para o G-4 da Série B, justamente na colocação em que estava o Coritiba. Em contraste com o time bugrino, que comemorou uma vitória em casa após oito rodadas, o Coxa continua sem vencer fora de casa. Em oito jogos fora de casa, foram quatro empates e, agora, quatro derrotas. O resultado tirou o time paranaense do G-4 do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Guarani abriu o placar logo aos três do primeiro tempo, em cobrança de falta de Pará com categoria, que passou pela barreira e surpreendeu o goleiro Wilson. Com a vantagem, o time bugrino soube segurar o Coritiba e atacar quando necessário. O Bugre quase ampliou o placar com Willian Oliveira, de cabeça, aos 31 do primeiro tempo. O Coxa mostrou dificuldade para quebrar a linha defensiva do Guarani, e só conseguiu no final do primeiro tempo, aos 43, com Guilherme Parede, de cabeça, após bom cruzamento de Simião.

O time de Campinas mostrou estar atento no início da primeira etapa, e não foi diferente no segundo tempo. Aos dois da etapa complementar, Bruno Mendes desviou de cabeça para aumentar o placar, e quebrou um jejum de nove jogos sem marcar. Novamente, o Guarani mostrou tranquilidade em segurar o time paranaense e explorar os contra-ataques, e quase chegou ao gol em falta de Everton Alemão. O Coxa esboçou uma pressão já no final da partida, mas não conseguiu chegar ao gol de empate.

A vitória derrubou duas marcas desagradáveis para o Guarani. A primeira, foi voltar a vencer diante de sua torcida, o que não acontecia desde a 7ª rodada, quando venceu o CRB por 2 a 0. O outro tabu foi derrubado por Bruno Mendes, que encerrou seu jejum de 800 minutos sem marcar. O último gol havia sido em 8 de abril, na final da Série A-2, contra o Oeste.

Os dois times voltam a campo na semana que vem, pela 16ª rodada da Série B. O Guarani joga na terça-feira (17), novamente em seu estádio, contra o Figueirense, às 21h30. O Coritiba terá um tempo a mais para se preparar, já que enfrenta o São Bento no sábado, dia 21, às 16h30, no Couto Pereira.