Santos enfenta Querétaro em último amistoso no México

Sete anos depois, Peixe volta ao estádio onde o goleiro Rafael Cabral fez uma das melhores atuações da carreira, na campanha do Tri da Libertadores

Santos enfenta Querétaro em último amistoso no México
Foto: Vinicios Oliveira/Santos FC
Querétaro
Santos

De volta ao palco onde Rafael Cabral brilhou na campanha do Tri da Libertadores, o Santos enfrenta o Querétaro, nesta terça-feira (10), às 23h (de Brasília), no Estádio Corregidora, em último amistoso no México. Essa será a primeira vez que as equipes se enfrentam na história, porém, o estádio é bem conhecido pelo torcedor santista, já que foi lá que o goleiro Rafael Cabral teve uma de suas melhores atuações na campanha pelo Tri da Libertadores. 

No dia 3 de maio de 2011, o Peixe, comandado pelo técnico Muricy Ramalho, visitou o América do México, na partida de volta das oitavas de final da Libertadores, naquela época o jogo não foi realizado no Estádio Azteca, casa do América, por conta de um show da Banda U2. Como o Alvinegro Praiano havia vencido o time mexicano por 1 a 0 no jogo de ida, um empate bastava para o time Paulista avançar as quartas de final. E graças ao goleiro Rafael, que tinha 20 anos, isso foi possível. 

O arqueiro do Santos, fez pelo menos cinco grandes defesas, todas na etapa complementar e em chutes do atacante Reynan, impedindo que o América abrisse uma vantagem no placar. 

No último sábado (7), o Santos enfrentou o Monterrey e repetindo os mesmos problemas da primeira metade da temporada, acabou sendo derrotado por 1 a 0.

O Peixe realizou o último treino antes do duelo, na manhã desta segunda-feira (9), e tem a expectativa de mais uma bonita recepção e sabem que esse será mais um duelo difícil, mas se dizem prontos para encarar o Querétaro em seus domínios. 

"Acho que seremos bem recebidos da mesma forma. Pela grandeza do Santos, que é um time que todo mundo conhece, seremos sempre bem recebidos. Nossa expectativa é a melhor possível. Acredito que teremos mais um jogo difícil. Fisicamente estamos bem, mas temos que melhorar a parte técnica (devido a parada da Copa). Mas aos poucos vamos evoluindo", disse Rodrygo em entrevista ao site do Santos. 

Para o jogo diante do Querétaro, o Santos não contará com Bruno Henrique. O camisa 11 foi liberado pela comissão técnica para acompanhar o nascimento do filho. A provável escalação do Peixe é Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Gustavo Henrique e Dodô; Yuri,Renato e Léo Cittadini; Rodrygo, Eduardo Sasha e Copete.