Cruzeiro enfrenta Atlético-PR com vantagem do empate pela Copa do Brasil

Raposa se classifica até mesmo com um empate e derrota por 1 a 0 leva partida para disputa de pênaltis

Cruzeiro enfrenta Atlético-PR com vantagem do empate pela Copa do Brasil
Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C.

Cruzeiro e Atlético-PR se enfrentam nesta segunda-feira, às 20h (de Brasília), no Mineirão, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Vencedor do jogo de ida, por 2 a 1, a equipe mineira se classifica até mesmo com um empate.

Uma vitória do Furacão por um gol de diferença leva a definição da vaga para a disputa de pênaltis. As equipes voltam a campo após a pausa de um mês por conta da Copa do Mundo da Rússia

Camisa 10 de volta ao time 

Com mais um treino fechado na Toca da Raposa II, o Cruzeiro encerrou, neste domingo (15), os preparativos para enfrentar o Atlético-PR, em confronto que vale a vaga nas quartas de final da Copa do Brasil.

Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C.
Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C.

A novidade na equipe celeste para encarar os paranaenses pode ser o uruguaio Arrascaeta. Porém, não é certa a entrada como titular. O meia-atacante está novamente à disposição do técnico Mano Menezes após representar seu país na Mundial da Rússia.

+ Em apresentação, Barcos enaltece a grandeza do Cruzeiro: "Sempre foi minha primeira escolha"

Agora, o meia volta suas atenções para o segundo semestre decisivo na Raposa, que segue brigando em três frentes: Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro e Copa Libertadores.

“Vou treinar com o pensamento de jogar na segunda. É uma partida muito importante para nós, o jogo vai nos dar confiança. Passar de fase numa competição muito importante. Treino normalmente hoje para ficar à disposição na segunda-feira”, garantiu.

Retrospecto como mantra 

Se vencer por dois gols de diferença, o Atlético-PR se classifica, vitória por um gol de diferença leva a decisão para os pênaltis. O desafio é complicado, mas o feito já aconteceu com o Furacão.

+ Bruno Nazário é confirmado como nova contratação do Furação

Em 2013, a equipe atleticana viveu um cenário parecido: perdeu para o Palmeiras, por 1 a 0, fora de casa, mas venceu na Vila Capanema, por 3 a 0 e avançou de fase. Naquele ano, o o clube fez a final contra o Flamengo e terminou com o vice-campeonato.

Foto: Divulgação/Site oficial Atlético-PR
Foto: Divulgação/Site oficial Atlético-PR

Nos treinos realizados no CAT, o treinador Tiago Nunes buscou passar aos atletas a filosofia de trabalho que deu certo no Campeonato Estadual. “Foram semanas de muito trabalho, conversas, e com uma resposta positiva dos atletas. Estou confiante para este jogo contra o Cruzeiro”, salientou.

Por isso, o elenco atleticano não deixa de lado os treinamentos de cobranças de pênalti. Na terceira fase da atual edição da Copa do Brasil, o Furacão superou o Ceará (CE) nas penalidades. “A fórmula da competição possibilita essa decisão por pênaltis, então precisamos estar preparados”, ressaltou.