Atlético-PR e Vitória se enfrentam em duelo direto contra rebaixamento
Foto: Divulgação/Atlético-PR

Atlético-PR e Vitória se enfrentam em duelo direto contra rebaixamento

Rubro-negro baiano está em situação mais confortável; CAP pode terminar rodada na lanterna

gustavomilioli
Gustavo Milioli
Atlético-PRFelipe Alves; Jonathan, Wanderson, Paulo André e Renan Lodi; Bruno Guimarães, Matheus Rossetto e Raphael Veiga; Marcelo, Marcinho e Pablo. Técnico: Tiago Nunes
VitóriaRonaldo; Ramon, Ruan Renato, Kanu e Bryan; Arouca, Willian Farias, Yago e Neílton; Erick e André Lima. Técnico: Vagner Mancini
ÁRBITROAnderson Daronco (RS), auxiliado por Rafael da Silva Alves (RS) e Michael Stanislau (RS)
INCIDENCIAS16ª rodada do Campeonato Brasileiro, às 16h, na Arena da Baixada, em Curitiba/PR

Em confronto de rubro-negros, Atlético-PR e Vitória tem encontro marcado neste domingo (29), às 16h, na Arena da Baixada. Para os paranaenses, o triunfo é fundamental para a equipe voltar a respirar no Campeonato Brasileiro, já para os baianos, vale a afirmação do momento do time na tabela de classificação.

Com a vitória do Ceará sobre o Fluminense neste sábado, o Furacão caiu para a lanterna, e no momento, está a seis pontos do Bahia, o primeiro fora da zona da degola. Já são seis jogos sem vencer, nesse que é o pior momento do clube no campeonato nacional nos últimos anos. A palavra de ordem é vencer ou vencer, já que vamos chegando à metade da competição.

O Leão está em 13º lugar, e se conquistar os três pontos, pode até figurar entre os dez primeiros do certame ao término da rodada. O time venceu seu último duelo, ao bater por 1 a 0 o Sport no Barradão, e um segundo triunfo seguido confirmaria o bom momento da equipe, que poderia passar a vislumbrar coisas maiores para este ano.

O retrospecto do confronto é equilibrado, com leve vantagem ao CAP. O Furacão venceu 14 vezes, contra 13 do Vitória, enquanto outros seis jogos terminaram empatados. No Brasileiro de 2017, a melhor ficou com a equipe paranaense, que venceu nas duas vezes em que se enfrentaram.

Atlético terá que lidar com desfalques

Ao todo, o técnico Tiago Nunes tem cinco desfalques certos para a partida. São eles: o goleiro Santos, o zagueiro Thiago Heleno, o volante Lucho González, o meia Guilherme e o atacante Bergson.

Com isso, uma provável escalação tem: Felipe Alves; Jonathan, Wanderson, Paulo André e Renan Lodi; Bruno Guimarães, Matheus Rossetto e Raphael Veiga; Marcelo, Marcinho e Pablo. O treinador poderá ter à disposição os recém reforços Reginaldo, Márcio Azevedo e Wellington, que estão regularizados e já podem estrear.

Com a suspensão de Santos, o goleiro Felipe Alves terá uma nova chance no Atlético. Criticado na estréia quando levou três gols do América-MG, o arqueiro poderá construir uma nova história com a camisa atleticana.

Vitória tem duas baixas, mas um retorno importante 

O técnico Vagner Mancini terá dois desfalques para o jogo deste domingo. Machucados, o zagueiro Aderllan e o meia Luan dão as vagas para Kanu e Erick, respectivamente. Por outro lado, o comandante poderá contar com o retorno do lateral esquerdo Bryan, que cumpriu suspensão na última rodada do campeonato.

Um provável Vitória tem: Ronaldo; Ramon, Ruan Renato, Kanu e Bryan; Arouca, Willian Farias, Yago e Neílton; Erick e André Lima.

Ramon deve ser mantido na lateral direita, desbancando os jogadores de ofício do plantel para a posição. O desempenho do zagueiro contra o Sport agradou a Mancini, que opta pela continuidade do jogador para esta rodada.

Você pode acompanhar a todos os lances da partida aqui, no nosso tempo real, pela VAVEL Brasil.

VAVEL Logo