Fluminense sai na frente, mas Atlético-MG vira partida e se sagra hexacampeão da Taça BH Sub-17

Equipe Tricolor é superior no primeiro tempo, mas desperdiça diversas oportunidades; Na segunda etapa, Galo consegue administrar o jogo e manter liderança no placar para conquistar o sexto título na categoria

Fluminense sai na frente, mas Atlético-MG vira partida e se sagra hexacampeão da Taça BH Sub-17
Foto: Divulgação Atlético
Atlético-MG
3 1
Fluminense

Fluminense e Atlético-MG se enfrentaram na noite desta terça-feira (31), às 21h45, no Estádio Independência. A partida marcou a final da Taça BH Sub-17. Com grande atuação de Guilherme o Galinho venceu por 3 a 1 e levou o título para a Cidade do Galo. 

Guilherme foi o nome da partida. Com os dois gols ele conquistou a artilharia isolada da competição com seis gols. O Galo levou já tinha conquistado o título nos anos de 1988, 1989, 2005, 2009, 2011 e 2018

O JOGO

A etapa inicial foi de uma partida foi de uma partida muito bem jogada pelas duas equipes. O Fluminense entrou em campo ligado na voltagem 220. Com alguns erros de passe do Atlético-MG, a equipe teve diversas chances de abrir o placar e acabou saindo na frente do marcador. Aos 12 minutos, Wallace encontrou Marcos Paulo em linda enfiada de bola. O atacante teve tranquilidade para finalizar no canto e marcar um belo gol

Foto: Mailson Santana/Fluminense
Foto: Mailson Santana/Fluminense

Mas nem deu tempo do Flu comemorar. Praticamente na jogada seguinte, o Atlético-MG empatou a partida. Neto cobrou falta na barreira. No rebote, Gabriel chutou e a bola bateu no braço de Davi dentro da área. O árbitro marcou penalidade máxima e Guilherme cobrou sem chances para Marcelo

O Flu continuou pressionando. Aos 20 minutos em uma bela jogada, João Pedro aproveitou bola levantada na área e arriscou uma bicicleta. Junior se esticou todo para evitar o segundo gol do Tricolor. No lance seguinte, outra bela jogada de João Pedro pela esquerda. A bola chegou a Marcos Paulo na entrada da área. O camisa 26 bateu colocado e acertou mais uma vez. 

Mas foi o Galinho que marcou novamente. Em bobeira do Flu, Luan errou no meio-campo, Thiago Ruan disparou pela direita e acertou a trave. No rebote, Luiz Felipe cruzou para Guilherme virar o jogo.

Foto: Maílson Santana/Fluminense
Foto: Maílson Santana/Fluminense

Na segunda etapa, o Flu continuou tendo a posse de bola e comandando a iniciativa das jogadas mas sem chances claras de conclusão como teve no primeiro tempo. Aos 15 minutos, cartão vermelho para Luan. Zagueiro recebeu o segundo amarelo por falta em Eduardo. Flu ficou com um a menos e a dificuldade de criar jogadas aumentou. 

E mais uma vez o Atlético-MG marcou em um contra ataque. Dessa vez, tentando o gol de qualquer maneira o Flu viu sua defesa em menor número. Luiz Felipe recebeu na direita, cruzou e Mario completou na pequena área para garantir o hexacampeonato do Galinho.

Foto: Maílson Santana/Fluminense
Foto: Maílson Santana/Fluminense