Santos tenta ajuda de clubes para aumentar prazo de inscrição e ter reforços na Copa do Brasil

Diretoria não conseguiu inscrever os novos contratados na competição e agora recorre à ajuda de outros clubes

Santos tenta ajuda de clubes para aumentar prazo de inscrição e ter reforços na Copa do Brasil
Foto: Ivan Storti/Santos FC

Mesmo após o fim do prazo para inscrever novos reforços na Copa do Brasil, o Santos ainda trabalha para poder contar com Bryan Ruiz e Carlos Sánchez na competição. O jogo de ida aconteceu na noite da última quarta-feira (1), e o Peixe foi derrotado em casa por 1 a 0 para o Cruzeiro

Segundo o "Uol Esporte", o Santos pediu ajuda a outros clubes que jogam a competição para enviar um ofício conjunto a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e tentar convencer a entidade a estender o prazo de inscrição, que foi encerrado na última segunda-feira (30).

Porém, o Peixe já recebeu a negativa de alguns clubes e tenta convencer outras equipes. O desejo do departamento juridico do Santos era enviar o ofício ainda nesta quinta-feira (2), mas já sabe que dificilmente conseguirá. 

Consultado pelo Alvinegro Praiano, o Bahia já avisou que só responderá depois do jogo contra o Palmeiras, nesta quinta-feira, válido pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil.

A Chapecoense, que foi derrotada por 1 a 0 para o Corinthians na última quarta-feira, também foi procurada. Os catarinenses ainda não responderam, pois debatem o assunto internamente com seus advogados.

O Grêmio também confirmou que foi procurado pelo Peixe, mas diz que vai analisar a possibilidade. O clube gaúcho verifica se houve benefício a alguém para decidir se assina.

O Santos não regularizou o volante Carlos Sánchez por dificuldades financeiras para fazer o pagamento ao Monterrey, do México. O Peixe desembolsou cerca de US$ 1 milhão (R$ 3,7 milhões) para liberar o uruguaio antes do término de seu contrato, que terminaria em dezembro deste ano.

Já o caso do meio-campista Bryan Ruiz foi burocrático. A diretoria santista aguarda a Polícia Federal liberar o visto trabalhista do costarriquenho. Por conta disso, Carlos Sanchez deve ser regularizado no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF antes de Bryan.

Além de Ruiz e Sanchez, o Peixe tenta inscrever mais um nome, o do atacante paraguaio Derlis González, que será apresentado no CT Rei Pelé nesta quinta-feira (2). O Santos volta a campo pela Copa do Brasil no dia 15, diante do Cruzeiro, no Mineirão, às 19h30.