De olho nos líderes, Atlético-MG recebe Internacional no Independência

Com apenas três pontos de diferença, ambas equipes buscam garantir o triunfo para seguir a briga no topo da tabela

De olho nos líderes, Atlético-MG recebe Internacional no Independência
Foto: Bruno Cantini / Atlético
Atlético-MG
Internacional
Atlético-MG: Victor; Patric, Léo Silva, Maidana e Fábio Santos (Hulk); Zé Welison, Lucas Cândido, David Terans, Luan e Chará; Ricardo Oliveira. Técnico: Thiago Larghi
Internacional : Marcelo Lomba; Fabiano, Rodrigo Moledo e Iago; Rodrigo Dourado, Edenilson, Nico López, Patrick e William Pottker; Jonatan Alvez. Técnico: Odair Hellmann.
INCIDENCIAS: Partida valida pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Estádio Independência, em Belo Horizonte

Pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Atlético-MG recebe o Internacional, no Estádio Independência, nesta segunda-feira (7), às 20h (de Brasília). Com apenas três ponto de diferença, confronto marca o encontro de dois times que  disputam somente o torneio nacional.

O Galo possui 27 pontos somados e ocupa a quinta colocação. Pelas últimas cinco partidas, a equipe mineira possui um empate, duas vitória e o mesmo número de derrotas. Todavia, Thiago Larghi não irá conseguir escalar o mesmo time, devido a suspensões e lesões de atletas. Desde o término da Copa do Mundo o técnico alvinegro não possui esse êxito.

Por sua vez, o Colorado também terá problemas na escalação. Ocupando a quarta posição, com 29 pontos, time vem com um bom aproveitamento: saiu com a vitória em três ocasiões, com um empate e derrota.

Jogando em seus domínios, Larghi aposta em um Atlético-MG ofensivo

Foto: Bruno Cantini / Atlético

O comandante Thiago Larghi não conta com Matheus Galdezani e Elias, devido a uma suspensão concedida pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Porém, poderá ter em disposição o zagueiro Leonardo Silva e Fábio Santos. O lateral sofreu uma torção no tornozelo e andou treinando com o time.  Caso não possa contar com o Fábio, Larghi  irá optar pelo Hulk na esquerda, por seu papel ofensivo dentro de campo.

“O Carlos Gabriel, que a gente chama de Hulk, é um jogador que treina bem, em bom nível, e a oportunidade está aparecendo para ele. A opção do Juninho foi mais questão do jogo fora, o Bahia tinha um time alto também, então, a gente procurou o Juninho em uma questão mais defensiva. Agora, um jogo em casa, a gente tende a colocar o Hulk porque vamos precisar propor mais o jogo e ser um pouco mais ofensivo. Esperamos que ele nos ajude nisso, mas cobramos muito a parte defensiva dele porque lateral, primeiramente, tem que defender bem”, disse.

Com modificações, Internacional espera repetir bom retrospecto 

Odair Hellmann adotou o mistério e treinou de portões fechados.  O técnico terá o retorno de D´Alessandro, que cumpriu uma suspensão no duelo contra o Botafogo. O goleiro Danilo Fernandes, com lesão no ombro, será substituído por Marcelo Lomba. Além disso,  Leandro Damião, está com uma contratura muscular cervical

Já o lateral Zeca permanece como indefinição, após ter sofrido uma pancada no tornozelo direito. Em seu lugar, optará pela entrada de  Fabiano, no qual, espera aproveitar o desempenho da equipe gaúcha para sair com um bom resultado.

"Sabemos a dificuldade do jogo, mas também do momento que a gente vive, e estamos bem preparados. Já apresentamos um bom futebol dentro do campeonato e vamos em busca de mais uma vitória", projetou.