Sem progredir no ataque, Cruzeiro fica perto de melhorprimeiro turno dos último três anos
Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C.

Sem progredir no ataque, Cruzeiro fica perto de melhorprimeiro turno dos último três anos

Equipe vem de três rodadas sem vitória, mas ainda assim está próxima de fechar primeira metade do Brasileirão em melhor posição desde 2014

bethaniaq
Bethânia Quiareli

Apesar de ter colocado o Campeonato Brasileiro como "terceira opção" entre  Copa do Brasil e Libertadores, o Cruzeiro não tem feito uma campanha que preocupe o torcedor, pelo menos em termos de pontuação.

Atualmente em 8º lugar e com 25 pontos, o Cruzeiro encerra o primeiro turno enfrentando Flamengo, no próximo domingo, no Maracanã, e Bahia, no Mineirão, dia 19 de agosto. Caso vença uma das partidas, já terá feito melhor primeiro turno que nas últimas três campanhas no Brasileirão.

Treinado o ano passado todo por Mano Menezes, a equipe conquistou 27 pontos, na sétima colocação. Já em 2016, treinado por Geraldo Delamore, Paulo Bento e, no final, por Mano, o Cruzeiro somou 19 pontos, terminando em 18º lugar na zona do rebaixamento. No ano de 2015, teve Marcelo Oliveira e Vanderlei Luxemburgo como técnicos e terminou em 14º lugar, com 22 pontos.

A campanha não tem condições de superar as realizadas nos anos de 2013 e 2014, que marcaram a conquista do tetracampeonato. Naquelas edições, a equipe fez 43 e 40 pontos, respectivamente, e terminou o primeiro turno na liderança.

Contudo, o momento atual não é dos melhores. O Cruzeiro não vence há três rodadas: duas derrotas para Corinthians e São Paulo, um empate para o Vitória. Com isso, perdeu a chance de ficar mais próximo da briga pelo título e, também, da vaga para Libertadores do ano que vem. O time mineiro também convive, no Brasileiro, com o problema do ataque. É o terceiro pior da competição, com 14 gols marcados, somente melhor que o dos dois últimos colocados na tabela: Ceará (10) e Paraná (oito).

VAVEL Logo

Cruzeiro Esporte Clube Notícias

há 9 horas
há 19 horas
há um dia
há 20 horas
há 2 dias
há 8 dias
há 8 dias
há 8 dias
há 8 dias
há 8 dias
há 9 dias