Atlético-PR goleia Peñarol fora de casa e avança de fase na Copa Sul-Americana
Equipe venceu a primeira partida fora de casa no ano

Atlético-PR goleia Peñarol fora de casa e avança de fase na Copa Sul-Americana

Léo Pereira, Marcinho e Nikão fizeram os gols do Rubro Negro. Cristian Rodriguez marcou o único dos uruguaios

SandroQuintanilha
Sandro Quintanilha
PeñarolDawson; Giovanni González (Franco Martínez); Formiliano; Carlos Rodríguez; Lucas Hernández; Guzmán Pereira; Gonzalo Freitas; Estoyanoff; Cristian Rodríguez; Rojo (Lores); Viatri (Darwin Núñez)
Atlético-PRSantos; Jonathan; Zé Ivaldo; Léo Pereira; Renan Lodi; Lucho González; Bruno Guimarães; Raphael Veiga (Guilherme); Marcinho; Pablo (Bergson); Marcelo Cirino (Nikão)
Placar0-1, min. 06, Léo Pereira. 0-2, min. 52, Marcinho. 1-2, min. 62, Cristian Rodriguez. 1-3, min. 68, Nikão
INCIDENCIASPartida válida pela segunda fase da Copa Sul Americana, disputada no estádio Campeon de Siglo, às 19h30

O Atlético-PR não se intimidou jogando fora de casa, venceu o Peñarol, por 4 a 1, no Estádio Campeón del Siglo, e avançou para a próxima fase da Copa Sul-Americana. Léo Pereira, Marcinho e Nikão fizeram os gols do time brasileiro, enquanto Cristian Rodriguez marcou para o dono da casa.

Os uruguaios precisavam do resultado e foram pra cima, mas quem começou abrindo o placar foi o Furacão, aos seis, com Léo Pereira. Após cobrança de falta para dentro da área, o zagueiro apareceu na segunda trave para cabecear sem chances de defesa para Dawson.

Os Aurinegros sentiram o gol e acabaram diminuindo a pressão que estavam impondo. Mesmo com menos posse de bola, o Atlético administrava bem a partida, ditando o ritmo dos ataques. Com 34 minutos, Santos fez uma bela defesa depois de uma cabeçada perigosa de Estoyanoff no canto direito.

No segundo tempo, equipe paranaense ampliou, no mesmo minuto que marcou o primeiro, mas dessa vez com Marcinho. A jogada começou pela esquerda, o camisa 22 tabelou com Pablo, invadiu a grande área e chutou na saída do goleiro Carbonero.

Cristian Rodríguez diminuiu para os mandantes, aos 16. Em um lance indefensável, após a zaga afastar mal um lançamento, o meia de 32 anos pegou de primeira na bola e guardou no canto de Santos. 

A resposta do Furacão não demorou e, seis minutos depois, Nikão fez o terceiro para a equipe brasileira. Renan Lodi cruzou, Pablo conseguiu girar sob marcação e tocar para o atacante, que entrou no lugar de Marcelo Cirino, não desperdiçar a oportunidade.

Os Mirasoles apresentaram dificuldades para encontrar espaços e furar a defesa adversário, ficando muito preso no meio campo. Mesmo finalizando 16 vezes, apenas sete foram em direção a meta.

Já no fim do jogo, Bruno Guimarães transformou a vitória em goleada após marcar o quarto do Atlético, aos 46. A bola sobrou na área, Marcinho teve o chute bloqueado e ela sobrou para o volante que mandou para rede.

O resultado classificou o Rubro Negro, que agora irá enfrentar o Caracas, da Venezuela,  pela próxima fase da competição. O próximo compromisso dos brasileiros será no sábado (11), às 16h, contra o Ceará, no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

VAVEL Logo

    Atlético PR Notícias

    há 5 dias
    há 5 dias
    há 5 dias
    há 9 dias
    há 9 dias
    há 11 dias
    há 12 dias
    há 12 dias
    há 15 dias
    há 15 dias
    há 15 dias