Goleiro Luan Polli valoriza oportunidade no Sport: ''Maior desafio da minha carreira''

Arqueiro, que estava no futebol de Malta e tem passagens por Figueirense e Boa Esporte, mostra grande entusiasmo em vestir a camisa rubro-negra, confessando ser a maior chance da carreira

Goleiro Luan Polli valoriza oportunidade no Sport: ''Maior desafio da minha carreira''
Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife

A diretoria do Sport até buscou um goleiro no início da Serie A. Depois de algumas tratativas que não deram certo e o retorno de Magrão, recuperado de lesão, o assunto morreu na Ilha. Mas, quando mais ninguém esperava, o clube anunciou Luan Polli, de 25 anos que veio do pouco visto futebol de Malta.

Surpresa para os torcedores, para imprensa e alegria para o goleiro. Que não pensou duas vezes em fazer as malas para "correr" para Recife. Formado nas bases de Flamengo e Figueirense (onde também atuou profissionalmente), o último clube brasileiro de Luan Polli foi o Boa Esporte, de onde saiu para jogar no Naxxar Lions, equipe malteca. Repatriado e Motivado, Luan só é elogios ao novo clube.

"O Sport é uma grande instituição no cenário nacional. Estou tendo uma oportunidade que poucos conseguem ter. Até devido a isso, podem esperar de mim dedicação e luta sempre, para buscar o melhor para equipe."

Privilégio. Esse foi o sentimento que o jogador quis expor em entrevista á assessoria do clube. Outra vez sem poupar elogios, Luan Polli falou está vivendo o maior desafio de sua vida. E também o mais ilustre.

"Estou encarando isso como um desafio, o maior da minha carreira. É uma honra estar em um clube da dimensão do Sport, que além de tudo conta com profissionais de extrema competência. Espero evoluir aqui, aprender e dar bastante alegrias a torcida.", perspectivou.  

Catarinense da cidade de Meleiro, o goleiro apesar de jovem acumula alguns títulos. Esteve no elenco do Flamengo campeão da Copa do Brasil em 2013 e Carioca, no ano posterior. Pelo Figueirense, também ganhou um Estadual: o de 2015. E por último, o arqueiro também tem o título nacional da Serie C, ganha com o Boa Esporte, em 2016. Em todos os casos, porém, Luan foi no máximo reserva.

De Malta para Pernambuco, Luan Polli falou da adaptação, situando justamente o clima. 

"Além de chegar de Malta, eu também nunca tinha tido uma experiência no Nordeste. Faz muito calor, mas isso não vem sendo nenhum problema. Estou gostando muito dessas primeiras semanas que estou aqui. Aproveitando para treinar e aumentar minha performace para ficar em um nível ideal de competição.", finalizou.