Chapecoense vira sobre Corinthians no último lance e deixa zona de rebaixamento
Diego Torres igualou a partida (Foto: Sirli Freitas/Chapecoense)

Chapecoense vira sobre Corinthians no último lance e deixa zona de rebaixamento

Na volta de Guto Ferreira, Chape cresce no segundo tempo para conseguir importante triunfo que frustra o Corinthians

gustavomilioli
Gustavo Milioli
ChapecoenseJANDREI; EDUARDO, DOUGLAS, RAFAEL THYERE E BRUNO PACHECO; MÁRCIO ARAÚJO, AMARAL, YANN ROLIM (DOFFO) E DIEGO TORRES (CANTEROS); LEANDRO PEREIRA E VICTOR ANDRADRE (BRUNO SILVA). TÉCNICO: GUTO FERREIRA
CorinthiansCÁSSIO; MANTUAN, LÉO SANTOS, MARLLON E CARLOS AUGUSTO; GABRIEL, ARAOS, MATEUS VITAL, MARQUINHOS GABRIEL (RALF) E CLAYSON (PEDRINHO); ROGER (EMERSON SHEIK). TÉCNICO: OSMAR LOSS
Placar0-1, MIN. 5/1T, MARQUINHOS GABRIEL. 1-1, MIN. 25/2T, DIEGO TORRES. 2-1, MIN. 49/2T, DOFFO
ÁRBITROGrazianni Marcel Rocha, auxiliado por João Coelho de Alburqueque e Thiago Henrique Farinha, todos do Rio de Janeiro
INCIDENCIAS18ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena Condá, em Chapecó/SC. Público total: 10.070 pessoas

Na tarde deste sábado (12), Chapecoense e Corinthians protagonizaram um duelo eletrizante na Arena Condá. Os mandantes venceram por 2 a 1. 

Em situações opostas na tabela, a Chape marcou o gol da vitória no último momento do jogo, voltando a vencer após sete rodadas e conseguindo fugir da zona de rebaixamento do Brasileirão.

O Corinthians precisava pontuar para entrar no G-6 do campeonato. Para isso, o time de Osmar Loss tomou a iniciativa da partida e começou pressionando a Chape mesmo jogando fora de casa.

Logo aos cinco minutos de jogo, Marquinhos Gabriel abriu o placar para o Timão. Após grande defesa de Jandrei em cabeçada de Roger, o atacante teve oportunismo dentro da área para balançar as redes.

A Chapecoense não conseguia se encontrar em campo. Mesmo com a vantagem, o Corinthians continuava com o controle das ações. Aos 18, Araos fez fila pelo lado esquerdo, invadiu a área e passou para Clayson, que foi travado. Na sequência, Roger finalizou, mas também parou na zaga.

A primeira chegada do Verdão do Oeste se deu apenas na metade do primeiro tempo. Em cobrança de escanteio, Leandro Pereira consegue o cabeceio, mas Cássio espalmou para a linha de fundo.

Com mais organização, o Corinthians trabalhava bem a bola. Aos 29, Calyson perdeu aquela que foi a grande chance de ampliar o placar. Ele recebeu de Araos e na pequena área finalizou em cima de Jandrei, salvando a Chape.

Minutos depois, Mateus Vital quase marca um golaço. Batendo colocado, buscado o ângulo, ele acertou o travessão. Com muito mais consistência na partida, o Timão foi para o intervalo vencendo por 1 a 0.

Na volta do vestiário, a Chapecoense mudou sua postura e passou a apertar o adversário em seu campo de defesa. Já aos cinco minutos, em seu primeiro susto, Yann Rolim recebeu cruzamento da direita, pegou de primeira, mas chutou por cima.

Foi pela insistência que o Verdão conseguiu empatar jogo. Aos 20 minutos, após falha da zaga corinthiana, Leandro foi pressionar Cássio que acabou pegando a bola com a mão fora da área. O árbitro marcou falta e puniu o goleiro com cartão amarelo. Na cobrança, o estreante Diego Torres cobrou com perfeição e igualou o marcador.

Sem conseguir manter o desempenho da primeira etapa, o Corinthians viu o time catarinense crescer na partida, porém com poucas chances reais de gol.

A virada só foi acontecer aos 49 do segundo tempo. Quando o Timão procurava manter a bola no ataque, a Chape conseguiu um rápido contra-golpe pelo lado direito. Márcio Araújo bateu cruzado, Cássio tirou com a ponta dos dedos mas a bola parou onde estava Doffo, o argentino não perdoou e fez o tento que tira a equipe da zona da degola da competição.

Agora na 13ª posição, os comandados de Guto Ferreira podem respirar aliviados depois de um grande jejum sem vitórias – essa foi a primeira desde o recesso para a Copa do Mundo.

Para o Corinthians, o time segue sem a regularidade do ano passado, na sétima colocação, fora da zona de classificação para a Libertadores.

Na próxima quarta-feira (15), novamente na Arena Condá, ambos se enfrentam pela Copa do Brasil. Um empate classifica o Corinthians para a próxima fase, enquanto vitória por dois ou mais gols de diferença favorecem a Chape. O confronto terá início às 21h45.

VAVEL Logo

Associação Chapecoense de Futebol Notícias

há 7 dias
há 8 dias
há 7 dias
há 16 dias
há 16 dias
há 17 dias
há 17 dias
há 21 dias
há 24 dias
há um mês
há um mês