Claudinei Oliveira entrega cargo e não é mais técnico do Sport

Treinador pediu demissão após derrota em casa para o São Paulo. Já eram oito partidas sem vencer

Claudinei Oliveira entrega cargo e não é mais técnico do Sport
Foto: Williams Aguiar / Sport Club do Recife

Claudinei Oliveira não é mais o técnico do Sport. Depois de derrota neste domingo para o São Paulo, por 3 a 1, dentro da Ilha do Retiro, o treinador decidiu não permanecer mais no comando do time rubro-negro. Pressionada pela torcida, a corda do treinador começou a ficar mais curta depois de uma pesada sequência de oito jogos sem vencer.

O treinador até apareceu para a entrevista coletiva padrão após uma partida. Mas antes mesmo de algum repórter ter a oportunidade de fazer uma pergunta sobre o jogo, Claudinei pediu a palavra e declarou o final do seu ciclo em Recife. Em uma declaração de até certa força e com a voz visivelmente abatida, o treinador disse ter a expectativa de ter deixado as portas abertas na Ilha do Retiro.

"Conversei com o Guilherme (Vice de futebol) e com o pessoal da diretoria e entreguei o cargo. Eles até pediram para que eu continuasse mas acredito que as coisas não estão acontecendo mais. E não é por falta de trabalho. Vocês, que nos acompanham todos os dias percebem isso. Infelizmente faz parte do futebol. Queria agradecer a todos, a vocês da imprensa e ao clube, que me acolheu muito bem. Espero ter deixado as portas abertas, para quem sabe um dia voltar e fazer um trabalho de prazo maior e melhor", finalizou.

Pelo Sport, Claudinei Oliveira foi contratado em abril e comandou o time em 16 partidas. Foram cinco vitórias, quatro empates e sete derrotas. Sendo seis dessas nos últimos oito jogos.