Oposição do Fluminense protocola pedido de impeachment do presidente Pedro Abad
FOTO: NELSON PEREZ/FLUMINENSE F.C,

Oposição do Fluminense protocola pedido de impeachment do presidente Pedro Abad

Com 77 assinaturas, documento já foi entregue ao presidente do Conselho Deliberativo, Fernando César Leite

francesco-chianelli
Francesco Chianelli

Nesta sexta-feira (17), grupos de oposição protocolaram um documento que solicita a abertura do processo de impeachment do presidente do Fluminense, Pedro Abad. A declaração assinada por 77 conselheiros, foi entregue a Fernando César Leite, presidente do Conselho Deliberativo do clube, em seu escritório.

Os ex-vice-presidentes Cacá Cardoso, Miguel Pachá e Sandor Hagen assinaram seus nomes no documento que pede a exclusão do mandatário do cargo. Apesar de serem pró-Abad antes, hoje são oposição. 

Essa oposição, porém, não surgiu do nada. De acordo com informações do "Globoesporte.com", os três vices discordam da decisão de Pedro Abad de não assinar com um fundo de investimentos conseguido pelo ex-vice de finanças Diogo Bueno, com dinheiro enviado, em sua maioria, para o pagamento de dívidas fiscais e acerto das rescisões contratuais realizadas em janeiro com alguns atletas.

O grupo continha, desde o dia 30 de junho, 50 assinaturas no documento de impedimento do presidente (número mínimo requerido para o início do processo, de acordo com o estatuto do clube), porém preferiu aguardar mais um período para aumentar o número de assinaturas. 

VAVEL Logo

    Fluminense FC Notícias

    há 17 horas
    há 15 horas
    há 2 dias
    há 2 dias
    há 5 dias
    há 6 dias
    há 9 dias
    há 9 dias
    há 9 dias
    há 9 dias
    há 12 dias