Barbieri projeta caminho para o Flamengo passar pelo Cruzeiro: “Tirá-los da zona de conforto”

Treinador falou da importância de Lucas Paquetá, que não atuou no primeiro jogo, e exaltou a fase de Everton Ribeiro

Barbieri projeta caminho para o Flamengo passar pelo Cruzeiro: “Tirá-los da zona de conforto”
(Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Na manhã desta terça-feira (28), o Flamengo encerrou sua preparação para o duelo contra o Cruzeiro, pelas oitavas de final da Libertadores. Em desvantagem pela derrota no Maracanã, o Rubro-Negro tem uma missão duríssima no Mineirão. 

Antes das atividades, o técnico Maurício Barbieri concedeu coletiva no Ninho do Urubu. Para ele, o objetivo é tirar o adversário da zona de conforto e tentar a classificação dentro dos domínios da Raposa. O comandante também elogiou Mano Menezes. 

"O Cruzeiro é uma equipe madura, faz um jogo bastante seguro e até pragmático. É uma equipe que joga bastante com o regulamento embaixo do braço. Tem um grande treinador e temos que estar preparados para eventuais surpresas. Equipe acostumada a jogar em função do resultado. Temos que tirá-los da zona de conforto, pra eles não terem mais esse resultado e a gente poder buscar a classificação"

Mudanças foram descartadas. Para o treinador, a equipe precisa construir as jogadas e quando houver oportunidade concluir com sucesso. Como exemplo, citou o Cruzeiro no primeiro jogo e disse que o clube da Gávea precisa fazer isso para sair classificado. 

“Não adianta pensar que na véspera do jogo faremos grandes modificações. São os detalhes que fazem a diferença. Temos o resultado adverso, mas precisamos criar as chances, buscar espaços e quando aparecerem as oportunidades, a gente concluir. O Cruzeiro aproveitou no primeiro jogo as oportunidades que teve, a gente não. Amanhã queremos o contrário pra fazer o resultado e sair com a classificação”.

Suspenso na partida de ida, Lucas Paquetá volta ao time. Convocado para Seleção Brasileira, o meia vive um bom momento e teve sua presença exaltada pelo técnico rubro-negro, mas a equipe titular ficou em segredo. 

"São mudanças em função das circunstâncias de momento. A gente conhece bem o Cruzeiro e eles conhecem a gente. A gente não tinha o Paquetá no jogo anterior e agora temos. Isso é importante dado sua importância na equipe. Vamos aguardar as avaliações e o treinamento de hoje pra escolher a melhor equipe”.

Everton Ribeiro tem sido o nome do time após a Copa do Mundo. Decidindo inúmeros jogos, inclusive a classificação para as semifinais da Copa do Brasil, o jogador pode ser sim o ponto de desequilíbrio do confronto, acredita Barbieri. 

"Sem dúvida o Everton vem num momento muito bom. Ele tem como desequilibrar o jogo. Ele tem uma história em Minas, que com certeza é motivador pra ele, pra buscar o resultado. Tem tudo pra nos ajudar bastante e ser sim um fator de desequilíbrio”, finalizou. 

Nesta quarta-feira (29), às 21h45, o Mineirão será o palco de Cruzeiro e Flamengo, pela partida de volta. Para se classificar, o Rubro-Negro precisa vencer por dois ou mais gols de diferença, com exceção do placar de 2 a 0, que leva o jogo para os pênaltis. Qualquer empate e até mesmo uma derrota por um gol dá a vaga à Raposa.