Berrío sofre entorse no tornozelo em treinamento e adia retorno no Flamengo
(Foto: Gilvan de Souza/ Flamengo)

Berrío sofre entorse no tornozelo em treinamento e adia retorno no Flamengo

No treino da última segunda-feira (27), o atacante torceu o tornozelo direito sozinho e retardará o seu regresso aos gramados; colombiano já estava treinando com o grupo

rafalisboa
Rafael Lisboa

O retorno aos gramados, que estava próximo, terá que ser adiado. No treino da última segunda-feira (27), no Ninho do Urubu, em um lance isolado, o atacante Orlando Berrío sofreu uma entorse no tornozelo direito, e já iniciou o tratamento após não ter sido detectada uma lesão no local, segundo o Flamengo.

Em outubro do ano passado, na derrota do Rubro-Negro para o São Paulo, o colombiano sofreu uma grave lesão (ruptura do tendão patelar) no joelho esquerdo, após uma dividida com o lateral-esquerdo do clube paulista, Edimar. De acordo com o departamento médico do clube, a previsão de retorno era de, no mínimo, oito meses.

Após 10 meses, Berrío já estava na quinta, e última, fase de transição, treinando com os companheiros, quando sofreu essa entorse, em uma jogada onde o jogador se machucou sozinho. O Rubro-Negro não informou quanto tempo será necessário para que o colombiano retorne aos treinamentos no CT.

O atacante chegou ao Flamengo em 2017, e assinou um contrato até 2021. No ano anterior, Berrío havia sido campeão da América com o Atlético Nacional-COL, comandado por Reinaldo Rueda, que comandaria o camisa 28 no Rubro-Negro, meses depois, antes de deixar a equipe para comandar a Seleção Chilena.

Ainda sem poder contar com o jogador, o Flamengo entrará em campo nessa noite, contra o Cruzeiro, no Mineirão, tendo que reverter uma desvantagem de 2 a 0, sofrida no Maracanã, para avançar às quartas de final da Libertadores. Além da lesão, Berrío não está inscrito para essa fase da competição, e nem se estivesse recuperado, poderia atuar logo mais.

Pela equipe carioca, o colombiano disputou 46 partidas - todas no ano passado - e anotou apenas seis gols. Na carreira, são 182 jogos e 35 gols marcados, contando as passagens pelo Atlético Nacional e pelo Millonarios, clubes colombianos. 

VAVEL Logo