Afastamento de Wellington Paulista repercute na Chapecoense
Wellington Paulista é o artilheiro da Chape em 2018 (Foto: Sirli Freitas/Chapecoense)

Afastamento de Wellington Paulista repercute na Chapecoense

Atacante foi barrado por Guto Ferreira e passará a treinar com o grupo de transição; Jogadores da Chape tiveram longa reunião no vestiário antes do treino desta quarta

gustavomilioli
Gustavo Milioli

O mau momento dentro de campo parece ter afetado os bastidores da Chapecoense. Artilheiro do clube na temporada com 11 gols e capitão até alguns jogos atrás, Wellington Paulista não faz mais parte dos planos do técnico Guto Ferreira.

Após ter frequentado o banco de reservas na derrota frente ao Vasco, o centroavante e o treinador teriam tido um enfrentamento, fazendo com que Guto o colocasse para treinar com a equipe que disputa o Brasileirão de Aspirantes.

Wellington Paulista acumula mais de 100 jogos com a camisa verde e branca. Chegou ao início da temporada passada e participou de todo o momento de reconstrução do clube após a tragédia de 2016. Antes tido como um dos líderes do elenco, a notícia de seu afastamento deixou um clima tenso na reapresentação desta quarta-feira (29).

O grupo de atletas, sem a presença da comissão técnica e diretoria, fez uma reunião no vestiário do CT da Água Amarela, ocasionando um atraso em mais de uma hora para o início da coletiva do dia, feita pelo lateral Eduardo.

Quando perguntado a respeito do afastamento de Wellington Paulista, Eduardo se limitou a dizer: “A instituição está na frente de qualquer jogador. Não podemos ficar se lamentando pelo que passou. A decisão veio de cima, sou funcionário, não sei o porquê, e também não quero me meter nisso. Prefiro responder as perguntas do rendimento da equipe ou a minha em campo.”

Sobre a longa conversa à portas fechadas entre os jogadores da Chape, Eduardo afirmou: “Estávamos na resenha no vestiário, lembrando os bons momentos no campeonato, os jogos, o quanto todos são importantes para a Chapecoense. Uma conversa sadia que toda família tem que ter sempre que acontece algum problema. A conversa foi boa, colocamos os pingos nos is. Espero que essa conversa que tivemos surta efeito”.

Na 17ª posição com 21 pontos conquistados, a Chape se prepara para receber o Palmeiras na Arena Condá, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo está marcado para o próximo domingo (02), com início às 19h (de Brasília).

VAVEL Logo

    Associação Chapecoense de Futebol Notícias

    há 2 dias
    há 5 dias
    há 9 dias
    há 12 dias
    há 16 dias
    há 17 dias
    há 18 dias
    há 19 dias
    há 19 dias
    há 20 dias
    há um mês