CRB vence Sampaio Corrêa em partida decisiva na luta contra rebaixamento

Time alagoano conseguiu a vitória com dois gols de falta e garantiu vitória de 2 a 1

CRB vence Sampaio Corrêa em partida decisiva na luta contra rebaixamento
Foto: Divulgação/Twitter Sampaio Corrêa FC
CRB
2 1
Sampaio Corrêa
CRB: João Carlos; Edson Ratinho, Everton Sena, Anderson Conceição e Paulinho; Claudinei, Lucas (Feijão) e Marcelo; Mazola (Iago), Neto Baiano e Willians Santana (Elias). Técnico: Doriva
Sampaio Corrêa: Andrey; Luis Gustavo, Rogério, Maracás e Julinho; William Oliveira, Jocinei (João Paulo) e Fernando Sobral; Matheuzinho, Uilliam (Alison) e Bruninho (Eloir). Técnico: Paulo Roberto Santos
Placar: 1-0, 6 min. Neto Baiano. 1-1, 64 min. Julinho. 2-1, 82 min. Paulinho.
ÁRBITRO: Flávio Rodrigues de Souza, auxiliado por Emerson Augusto de Carvalo e Flávio Rogério Baesteiro.
INCIDENCIAS: partida válida pela 24ª rodada do campeonato brasileiro série b, realizada no estádio rei pelé, em maceió

CRB e Sampaio Corrêa fizeram importante confronto na luta contra o rebaixamento na Série B de 2018, no Rei Pelé, em Maceió. Os alagoanos conseguiram a vitória com dois gols de falta, agravando a situação já delicada do Sampaio e subindo na tabela para a 13ª colocação, com dois pontos de vantagem sobre o Paysandu, 17º.

O Sampaio tentou primeiro com bom chute de Jocinei, que passou perto. Mas foi o CRB quem conseguiu chegar ao gol. Aos 5 minutos, Neto Baiano sofreu falta no campo de ataque. Ele mesmo cobrou e já abriu o placar no Rei Pelé. Nos minutos seguintes, a bola ficou no pé do time maranhense, que tentava furar a defesa Regatiana.

Mas foram os alvirrubros que chegaram com perigo mais uma vez. Em sobra de bola na área do Sampaio, o zagueiro Anderson chegou chutando de primeira e a bola passou perto da meta de Andrey. Aos 25, o Sampaio conseguiu armar uma chance de ataque, de novo com Jocinei. Ele chutou de fora e a bola desviou na zaga.

No terço final do primeiro tempo, o tricolor maranhense pressionou, dominando a posse de bola em seu campo ofensivo e tentando aproveitar os lances de bola parada. Aos 41, em cobrança de uma falta lateral, Jocinei mandou direto para o gol, mas o goleiro João Carlos conseguiu rebater. Mas o CRB conseguiu bloquear bem o movimento ofensivo do Sampaio e até armou contra-ataques interessantes, mas não conseguiu ampliar a vantagem no placar e saiu da etapa inicial na frente.

O Sampaio tentou continuar pressionando no início do segundo tempo. De novo ele, Jocinei fez boa jogada pela esquerda do ataque, cortou para o meio e arriscou o chute de fora. A bola passou raspando a trave. Aos 19, Matheuzinho recebeu bom passe, entrou na área e driblou dois jogadores do CRB, mas foi travado na hora do chute. Na sequência, em cobrança de escanteio de Jocinei, Julinho subiu de cabeça para empatar a partida e recompensar a iniciativa ofensiva dos maranhenses no segundo tempo.

Nos minutos seguintes, os alvirrubros buscaram correr atrás do prejuízo, enquanto que os tricolores buscaram criar oportunidades nos contra-ataques. E foi assim que o Sampaio chegou mais uma vez com perigo. Aos 31, em cobrança de falta, mais uma vez Jocinei tentou a batida direto para o gol e João Carlos fez boa defesa. Poucos minutos depois, após cobrança de escanteio, Uilliam tentou aproveitar a sobra com um chute de bicicleta, mas a bola foi para fora.

Mas quem não faz, leva. Aos 37, o CRB conseguiu desempatar o placar com Paulinho, em belíssima cobrança de falta, no ângulo de Andrey, que só olhou a bola tocar a rede. Após se colocar em vantagem, os alvirrubros buscaram segurar o jogo, se defendendo e deixando o tempo correr quando possível. O Sampaio bem que tentou construir jogadas no campo de ataque, mas não conseguiu ser efetivo para mudar o placar na reta final.

O Sampaio Corrêa segue na 19ª colocação, com 21 pontos, e recebe o Brasil de Pelotas, em casa, na próxima rodada da Série B. Já o CRB, agora 13º colocado, sai para enfrentar o Avaí, na Ressacada.