Com receio de punição, Derlis González evita críticas à Conmebol e pede foco do Santos no Brasileiro

Atacante lamentou a eliminação do Santos na Libertadores e pediu foco no Campeonato Brasileiro

Com receio de punição, Derlis González evita críticas à Conmebol e pede foco do Santos no Brasileiro
Foto: Ivan Storti/Santos FC

O atacante Derlis González deu entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira (30), no CT Rei Pelé. Um assunto que não poderia ficar de fora da coletiva, é a polêmica eliminação da equipe santista na Libertadores, na última terça-feira para o Independiente, no Pacaembu. A partida terminou 0 a 0, mas o jogo de ida que também terminou empatado sem gols, passou a ser 3 a 0 para á equipe argentina, devido a punição pela escalação irregular de Carlos Sanchez na competição. González preferiu não criticar a Conmebol com receio de uma punição, mas não deixou de comentar sobre a dor da eliminação nos bastidores.

"Creio que a gente fez nossa parte em campo.  Ficamos fora por algo que não tínhamos a ver. E todos nós estamos tranquilos. O que passou, passou. Não sei responder (sobre a Conmebol), porque se eu falar algo podem me suspender. É difícil ficar fora. Sempre sonhamos em jogar (a Libertadores). Vi que o Rodrygo falou que era a única chance de ganhar essa competição. Mas bem, temos que deixar de lado e pensar no jogo de sábado contra o Vasco, no Maracanã", disse o camisa 17.

O paraguaio lamentou a eliminação no torneio continental, mas pediu foco da equipe no Campeonato Brasileiro Série A, para sonhar com uma vaga na Copa Sul-Americana ou a própria Libertadores em 2019.

"Fizemos o que o Santos tinha que fazer no Campeonato Brasileiro dentro de casa. Agora temos que repetir isso fora de casa. Sabemos que representamos uma instituição muito grande e temos que focar da melhor maneira para classificar para um torneio continental", completou. 

Na décima quarta posição na tabela, com 24 pontos, o Santos volta à campo no próximo sábado (1), diante do Vasco, no Maracanã, às 19h (de Brasília), pela 22° rodada do Campeonato Brasileiro Série A.