Pablo brilha e comanda vitória do  Atlético-PR sobre o Bahia
Pablo comemora seu com a torcida atleticana (Miguel Locatelli / CAP)

Pablo brilha e comanda vitória do  Atlético-PR sobre o Bahia

Atacante participou dos dois gols da vitória do Furacão, marcando o primeiro e dando assistência para o segundo

SandroQuintanilha
Sandro Quintanilha
Atlético-PRSantos; Jonathan; Zé Ivaldo; Léo Pereira; Renan Lodi; Wellington; Bruno Guimarães; Marcinho (Rony); Raphael Veiga (Bruno Nazário); Nikão; Pablo (Bergson)
BahiaDouglas Friedrich(Fernando Castro); Bruno (Nino Paraíba); Tiago; Lucas Fonseca; Léo; Gregore; Elton; Vinícius; Élber; Edigar Junio (Clayton); Gilberto
Placar1-0, min. 68, Pablo. 2-0, min. 78, Rony.
INCIDENCIASPartida válida pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro, disputada na Arena da Baixada, às 16h

O Atlético-PR manteve sua ótima fase com mais uma vitória na tarde desse domingo (02). O time paranaense venceu o Bahia, por 2 a 0, na Arena da Baixada, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols do jogo foram marcados por Pablo e Rony, já na etapa final.

O Furacão começou pressionando, principalmente nas jogadas pelo lado esquerdo. Logo aos quatro minutos, Renan Lodi recebeu sozinho, passou pela marcação e tocou para Nikão, que foi travado no último momento pela defesa.

Com 19, Pablo se infiltrou na área e tentou o chute cruzado, mas foi bloqueado pelo goleiro. Na sobra, Marcinho tentou bater para o gol e Lucas Fonseca afastou quase em cima da linha. Pouco depois, Jonathan avançou livre pela direita e fez um cruzamento perfeito novamente para Pablo, que se adiantou a defesa e conseguiu cabecear, porém acabou mandando para fora.

O Rubro Negro controlava com facilidade o confronto. Com mais posse de bola, a equipe mandante ditava o ritmo dos ataques, utilizando com sabedoria a velocidade no campo ofensivo. O Tricolor encontrou muitas dificuldades em proteger suas laterais, que  eram invadidas pelo adversário.

Apenas nos acréscimos da primeira etapa os visitantes conseguiram assustar.  Elton acertou um chute de primeira, dentro da grande área, obrigando Santos a fazer boa defesa. Na sequência, Gilberto faz finalizou para fora.

No segundo tempo, o time baiano tentou melhorar seu sistema defensivo, negando os espaços.  Mesmo assim, a primeira chance foi dos atleticanos, aos 13, com Renan Lodi. Marcinho ganhou da disputa com a defesa e cruzou para o lateral, que apareceu livre, mas mandou a direita da meta.

O Atlético conseguiu abrir o placar, aos 22, com Pablo. Após roubada de bola de Nikão no meio campo, o meia fez o passe para o camisa 92, que driblou Lucas Fonseca e bateu colocado, acertando o canto direito do goleiro. 

Dez minutos depois, o estreante Rony deixou o dele e ampliou o marcador. Pablo cruzou rasteiro para o meio da área e encontrou o atacante sozinho, que soltou uma bomba de primeira, sem chances de defesa para Fernando Castro. Já no fim, o Tricolor Baiano tentou responder com Élber, que arriscou de longe, sem perigo para Santos, que defendeu.

O resultado ampliou a ascensão do Furacão, chegando agora à nona posição na tabela, com 27 pontos. Já o Esquadrão de Aço permaneceu com 25, caindo para a 14ª colocação.

As duas equipes voltam a campo na próxima quarta-feira (05).  O Bahia enfrenta o Sport, às 19h30, na Arena Fonte Nova. Um pouco mais tarde, às 21h, o Atlético-PR visita o  Palmeiras no estádio Allianz Parque.

 

 

 

VAVEL Logo

    Atlético PR Notícias

    há 3 dias
    há 4 dias
    há 4 dias
    há 5 dias
    há 5 dias
    há 5 dias
    há 11 dias
    há 11 dias
    há 12 dias
    há 13 dias
    há 15 dias