1-0, min. 10, Rafael Lima. 1-1, min. 18, Juninho Potiguar. 2-1, min. 52, Guilherme Parede
Coritiba supera dificuldades, bate lanterna Boa Esporte e vence segunda seguida na Série B
Coxa agora é o nono colocado na tabela (Divulgação/ Coritiba)

Coritiba supera dificuldades, bate lanterna Boa Esporte e vence segunda seguida na Série B

Rafael Lima e Guilherme Parede marcaram para o Coxa; Juninho Potiguar descontou para o Tricolor de Varginha

SandroQuintanilha
Sandro Quintanilha
CoritibaWilson; Vinícius Kiss; Thalisson Kelven; Rafael Lima; Abner (Júlio Rusch); Wellington Simião (Thiago Lopes); Vitor Carvalho; Jean Carlos; Guilherme Parede; Bruno Moraes (Alecsandro); Pablo
Boa EsporteFabrício; Maycon; Rodrigão; Luan; Jadson; PH (Thallyson); Djavan; Aldo (Adauto); Alyson(Manoel); Juninho Potiguar; Wiliam Barbio
INCIDENCIASPartida válida pela 25ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, disputada no estádio Couto Pereira, às 19h15

Coritiba sofreu, mas venceu o lanterna Boa Esporte, por 2 a 1, na noite dessa terça-feira (4). O jogo foi disputado no Couto Pereira, sendo válido pela 25ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Os gols foram marcados por Rafael Lima e Guilherme Parede, para o alviverde, e Juninho Potiguar, que descontou para os visitantes.

+ Quer encontrar tudo do Coxa Branca pelo melhor preço? Confira as ofertas do nosso parceiro Futfanatics

Os mandantes começaram melhor na partida e saíram na frente logo cedo, aos dez. Em cobrança de escanteio no lado direito, Jean Carlos levantou, a bola passou por tudo mundo, desviou no zagueiro Rafael Lima e entrou.

A resposta do Boa não demorou muito e, oito minutos depois, Juninho Potiguar deixou tudo igual no confronto. William Barbio cruzou pela esquerda para o atacante, que ficou sozinho dentro da pequena área, finalizando sem chances de defesa para Wilson.

Aos 30, o camisa nove do Tricolor de Varginha chegou a marcar novamente. Em um lance pelo alto, Potiguar cabeceou firme e balançou a rede. Porém, a arbitragem assinalou impedimento e anulou a jogada. 

Já no segunda etapa, com seis minutos, Guilherme Parede colocou o Coxa Branca de novo na frente. Após bom lançamento de Bruno Moraes no meio do campo, o  artilheiro do Verdão se adiantou a marcação e esperou a saída de Fabrício para tocar de cobertura, guardando um belo gol.

Por pouco, Jean Carlos não fez o terceiro, aos 16. O meia recebeu passe de Bruno Moraes e chutou de primeira, forte e rasteiro, passando rente a trave da meta Tricolor. Com dificuldades em superar a defesa adversária, o Boa optou por trocar passes, esperando um vacilo da zaga.

Aos 24, Juninho Potiguar foi expulso, após levar o segundo cartão amarelo. De longe, Thiago Lopes arriscou, e contou com o quique da bola no gramado pra quase enganar Fabrício, que defendeu com os pés. O fim da partida foi marcado pelo controle do time da casa, que não sofreu ameaças. 

Com o resultado, o Coxa sobe para a nona colocação, somando agora 36 pontos, ficando a cinco do G-4. O Tricolor continua com 21 e permanece na última posição da competição. Na próxima sexta-feira (07), o Boa Esporte volta a campo para enfrentar o Goiás, no Estádio do Melão. Um dia depois, o Coritiba visita o Vila Nova, no Serra Dourada.

VAVEL Logo