Guto Ferreira diz que arbitragem influenciou no empate da Chape contra o Paraná
Guto disse que reviu o lance e considerou que Capixaba sofreu pênalti (Sirli Freitas / Chapecoense)

Guto Ferreira diz que arbitragem influenciou no empate da Chape contra o Paraná

Treinador analisou o lance do pênalti não marcado em Capixaba e afirmou que o erro "foi capital"

SandroQuintanilha
Sandro Quintanilha

A Chapecoense apenas empatou, em 1 a 1, contra o Paraná, fora de casa, na última quarta-feira (05) e agravou sua situação no Campeonato Brasileiro. O resultado fez com que o Verdão caísse para a penúltima posição, com 22 pontos. O único clube abaixo dos catarinenses é o próprio Tricolor da Vila, que tem 16.

Para o técnico Guto Ferreira, a arbitragem acabou influenciando no placar, quando deixou de marcar um pênalti para a Chape, de Igor em Capixaba.

"Vi o tape e eles reclamaram de toque no Elicarlos, mas no vídeo não consegui ver. Tiveram alguns erros, normais, mas o lance do Capixaba foi capital. Carrinho dentro da área, colocou em risco, e ele não toca na bola,  ele arrasta tudo", disse.

Outro que reclamou foi o lateral-esquerdo Roberto, que além de comentar a falta dentro da área, considerou o lance do gol do adversário irregular.

"Hoje vamos colocar na conta do juíz, porque lutamos, teve pênalti, teve falta no eli quando sofremos o gol. Assim fica complicado, além de jogar contra o Paraná tem que jogar contra o juíz.”, afirmou o jogador.

O próximo desafio da Chapecoense será contra o Flamengo, no próximo sábado (08). A partida será válida pela 24ª rodada do Brasileirão, sendo disputada no Maracanã.

VAVEL Logo

    Associação Chapecoense de Futebol Notícias

    há um dia
    há 4 dias
    há 8 dias
    há 11 dias
    há 15 dias
    há 16 dias
    há 17 dias
    há 18 dias
    há 18 dias
    há 19 dias
    há um mês