Palmeiras bate Atlético-PR e gruda nos líderes do Brasileirão
Moisés disputando bola com jogador do furacão (Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação)

Palmeiras bate Atlético-PR e gruda nos líderes do Brasileirão

Com gol de pênalti que não vinha há cinco pênaltis batidos, Palmeiras venceu e chega perto da liderança

vv_cunha
Victor Cunha
Palmeiras PRASS, MAYKE, ANTÔNIO CARLOS, EDU DRACENA E VICTOR LUÍS; THIAGO SANTOS (BRUNO HENRIQUE, MIN. 45), FELIPE MELO E MOISÉS; WILLIAN, DUDU (JEAN, MIN. 86) E BORJA (DEYVERSON, MIN. 64)
Atlético-PRSANTOS, JONATHAN (RONY, MIN. 80), ZÉ IVALDO, LÉO PEREIRA E RENAN LODI (MÁRCIO AZEVEDO, MIN. 64); WELLINGTON, LUCHO, MARCINHO, BRUNO NAZÁRIO (GUILHERME, MIN. 61) E NIKÃO; PABLO
Placar1-0, MIN. 71, WILLIAN. 2-0, MIN. 94, MOISÉS
ÁRBITROMARCELO DE LIMA HENRIQUE, AUXILIADO POR MICHEL CORREIA E SILBERT FARIAS SISQUIM. AMARELOS: DUDU (MIN. 45), RENAN LODI (MIN. 62), WELLINGTON (MIN. 77)
INCIDENCIASJOGO VÁLIDO PELA 23ª RODADA DA SÉRIE A DO CAMPEONATO BRASILEIRO, SENDO DISPUTADO NO ALLIANZ PARQUE, PARA 24.601PESSOAS

Em um dos jogos mais esperados da rodada de número 23 do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras recebeu no Allianz Parque, na última quarta-feira (5), o Atlético Paranaense, que já não perdia há cinco partidas. Em um jogo extremamente disputado, com grandes chances, o Palmeiras venceu e levou os 3 pontos. Os gols do jogo foram de Willian e Moisés.

Com a vitória, o Palmeiras grudou no São Paulo e no Internacional, que disputam a liderança. O time palestrino agora soma 43 pontos, com 12 vitórias. O time alviverde ainda espera a partida entre Santos e Grêmio, por ima vitória do tricolor pode tirar o time da terceira posição, o colocando na quarta. Já o Atlético está em 11º na tabela, com 27 pontos e sete vitórias, podendo perder até duas posições na tabela ao fim da rodada

Atlético começa melhor no jogo

No primeiro tempo do jogo, o Palmeiras deu a bola para o Atlético Paranaense, que a aceitou sem problemas e mandava na partida. O primeiro chute no gol do time visitante ocorreu aos 18 minutos, quando uma bola batida de fora da área foi desviada pela defesa palmeirense e sobrou para Fernando Prass.
Aos 22, Bruno Nazário invadiu a área e bateu cruzado, fazendo a bola passar por toda a pequena área, mas sem perigo para o gol alviverde.

O furacão ainda veio a criar perigo com uma boa jogada de toque de bola e movimentação, fazendo a bola sobrar para Nikão, que bateu pra fora com muito perigo. O Palmeiras começou, a partir deste momento, a usar as bolas aéreas, tendo a primeira chance com Thiago Santos, aniversariante do dia, que cabeceou pra fora uma falta cobrada por Dudu.

Aos 30 minutos Dudu tocou pra Willian, mas Jonathan tirou pra trás e deixou Borja com a bola dentro da área. Zé Ivaldo travou o camisa 9 palmeirense, que não conseguiu acertar o chute. Aos 40, um lance confuso aconteceu. Santos recebeu a bola e foi sair para o jogo dando um chutão, mas ele acertou Borja e a bola foi para fora, assustando toda a equipe do Atlético Paranaense.

Na saída pro intervalo, Omar Feitosa, preparador físico do Palmeiras, brigou com Tiago Nunes, técnico do Atlético Paranaense.

Palmeiras melhora e marca duas vezes; após 5 erros, sai o gol de pênalti

No segundo tempo o Palmeiras mudou de postura. Logo no primeiro minuto, Willian levantou a bola para Borja, que tentou o mais difícil: a bicicleta. O camisa 9 quase acertou, mas mesmo assim furou a bola e perdeu a chance. Aos 20 minutos, Willian tentou achar Dudu dentro da área, mas o atacante quase acertou seu cruzamento no ângulo.

Aos 22, Deyverson dominou no lado direito do ataque palmeirense, puxou pro meio, tirando o Márcio Azevedo e bateu, pra defesa segura de Santos. Mas aos 26 o Palmeiras abriu o placar. Um chutão sobrou pra Dudu, que de primeira tocou de calcanhar para Deyverson. O atacante fez um belo lançamento para Willian, que cara a cara com o goleiro Santos, bateu no cantinho e abriu o placar para o Palmeiras.

Aos 28, Dudu bateu escanteio e Moisés cabeceou pra fora, quase ampliando o placar. Já perto do fim do jogo, foi a vez de Willian servir Deyverson, que cara a cara com Santos, bateu pra defesaça do goleiro do furacão. No último lance do jogo, Willian foi derrubado pelo goleiro do Atlético e sofreu o pênalti. Moisés bateu o pênalti e deu fim à um retrospecto de 5 pênaltis perdidos em sequência pelo Palmeiras, ampliando e dando números finais ao placar do jogo.

+ Confira ofertas de nosso parceiro Futfanatics

Pela 24ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras volta aos gramados no próximo domingo (09), às 16h, no derby contra o Corinthians, que será disputado no Allianz Parque. Já o Atlético Paranaense volta a campo na próxima segunda-feira (10), às 20h, contra o Atlético Mineiro, no Independência.

VAVEL Logo

    Sociedade Esportiva Palmeiras Notícias

    há um dia
    há 9 dias
    há 9 dias
    há 9 dias
    há 12 dias
    há 12 dias
    há 12 dias
    há 12 dias
    há 12 dias
    há 16 dias
    há 16 dias