Fluminense e Vitória fazem jogo fraco e não saem do zero no Maracanã
Foto: Mailson Santana/Fluminense

Fluminense e Vitória fazem jogo fraco e não saem do zero no Maracanã

Tricolor cria boas chances, mas não consegue furar bloqueio defensivo do Leão

RRodrigues_95
Rodrigo Rodrigues
Fluminense Júlio César, Léo, Gum, Digão e Ayrton Lucas; Richard, Dodi e Luciano (Pablo Dyego); Everaldo (Júnior Dutra), Matheus Alessandro (Marcos Júnior) e Kayke Técnico: Marcelo Oliveira.
Vitória Ronaldo, Jeferson, Lucas Ribeiro, Ramon e Bruno Bispo; Aderllan, Rodrigo Andrade (André Lima), Léo Gomes e Erick (Nickson); Léo Ceará e Walter Bou (Yago) Técnico: Paulo César Carpegiani.
ÁRBITROJean Pierre Goncalves Lima (RS).
INCIDENCIASJogo válido pela 23ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro 2018.

O Fluminense até que tentou, mas não conseguiu furar o bloqueio do Vitória no Maracanã. Nesta quinta-feira (6), as equipes ficaram apenas no empate sem gols, em jogo válido pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado acabou sendo ruim para Tricolor, que completou seu terceiro jogo seguido sem vencer. Já o Leão comemora o ponto conquistado longe de casa, mas segue próximo da zona de rebaixamento. 

O Flu foi superior ao Vitória na etapa inicial. Jogando em casa e com uma formação bastante ofensiva, o Tricolor teve as oportunidades mais claras de gol. Aos 11 minutos, Everaldo arriscou um bonito chute de longe e carimbou o travessão. Pouco tempo depois, Matheus Alessandro também quase marcou após arremate cruzado, mas parou no goleiro Ronaldo. 

Com mais posse de bola, o Fluminense pressionou o Vitória que, por sua vez, adotou uma postura mais defensiva e saiu poucas vezes do seu campo de defesa. A equipe de Paulo César Carpegiani também abusava dos erros de  passes. Assim, sua única chance de gol nasceu justamente numa desatenção da defesa do Fluminense. Rodrigo Andrade recebeu belo passe de Bruno Bispo e, após furada de Ayrton Lucas, chutou, mas a bola estourou em Júlio César. No mais, foi um primeiro tempo movimentado, com superioridade para os donos da casa.

Everaldo teve a melhor chance do Flu no primeiro tempo (Foto: Mailson Santana)
Everaldo teve a melhor chance do Flu no primeiro tempo (Foto: Mailson Santana)

O panorama do segundo tempo foi parecido com o do primeiro. O Fluminense seguiu pressionando a equipe do Vitória, que novamente optou por jogar mais fechada, buscando aproveitar-se dos contra-ataques. O Tricolor, por sua vez, via o lado direito como a melhor alternativa para furar o bloqueio baiano. Aos 12 minutos, Léo apareceu livre e chutou cruzado, mas a bola passou por Everaldo e Luciano, que não conseguiram encostar para mandar ao gol.

Na segunda metade do segundo tempo, o jogo teve muita correria e disposição, mas poucas oportunidades de gol. Mesmo com quatro atacantes em campo - Marcos Jr, Everaldo, Pablo Dyego e Kayke -, o Tricolor já demostrava sinais de cansaço e pouco incomodava. Só voltou a assustar novamente na reta final do jogo. Aos 40 minutos, Junior Dutra, que entrara na vaga de Everaldo, cabeceou muito perto da trave defendida por Ronaldo.

O empate fez o Fluminense descer mais um degrau na tabela do Brasileiro: agora é o 12º, com 28 pontos. Já o Vitória ocupa a 14ª posição, com 26. Na próxima rodada, o Tricolor encara o Botafogo, em clássico que será disputado no Maracanã. O Leão recebe o Vasco, no Barradão. Ambos os jogos serão no domingo (9).

VAVEL Logo

    Fluminense FC Notícias

    há um dia
    há um dia
    há 2 dias
    há 2 dias
    há 5 dias
    há 6 dias
    há 9 dias
    há 9 dias
    há 9 dias
    há 10 dias
    há 12 dias