Ney Franco nega erro de marcação em lance que originou o gol do Boa Esporte

Com derrota, Goiás perde a chance de se aproximar do líder Fortaleza; time mantem-se no G-4 com 42 pontos

Ney Franco nega erro de marcação em lance que originou o gol do Boa Esporte
Técnico gostou do primeiro tempo da equipe (Foto:Divulgação / Goiás)

O Goiás perdeu a chance de garantir três pontos nesta sexta-feira (7) após ser derrotado pelo Boa Esporte, em Varginha no Estádio Municipal da cidade, por 1 a 0, pela 26ª rodada da Série B do campeonato brasileiro. No primeiro turno o time goianiense também foi derrotado, por 2 a 1. O técnico Ney Franco avaliou a partida de sua equipe e garantiu que não houve falhas que ocasionaram o gol do Boa.

"Fomos bem no primeiro tempo, mas depois ficou equilibrado. As substituições do Ney no intervalo foram felizes para o Boa Esporte. Não avalio que houve algum erro de marcação do nosso time no gol deles. Foi mérito do atleta no chute. Dentro deste equilíbrio no segundo tempo, o Boa foi mais eficaz. Tivemos a grande oportunidade de sair ganhando no início e fizemos um bom jogo. Mas no segundo tempo, o time caiu de rendimento e o jogo ficou mais equilibrado" afirmou.

O treinador também comentou a estratégia do rival, o que acaba tornando o jogo mais complicado e difícil de garantir a vitória.

"O Boa poupa alguns jogadores fora de casa para utilizá-los quando tem o mando de campo. Viemos sabendo que seria difícil. O Boa acabou de golear o CSA por 3 a 0 aqui. Depois da chegada do Ney, a equipe se ajustou.  Sabíamos que seria jogo difícil" explicou.

O comandante agora pretende focar somente no clássico estadual da próxima rodada, o Atlético-GO.

"Claro que se tivéssemos o Rafinha, Lucão e o Giovanni, logicamente, teríamos mais peças para reposição. Mas quem entrou, tentou corresponder da forma como a gente pediu. Vamos ter os três atletas neste clássico com o Atlético”

O clássico acontece no próximo sábado (15), às 19h, no estádio Olimpíco, pela 27ª rodada da Série B.