Geninho lamenta 'castigo' do Avaí em derrota para o Criciúma
Foto: André Palma Ribeiro / Avaí FC

Geninho lamenta 'castigo' do Avaí em derrota para o Criciúma

Treinador disse ter feito substituições para virar o jogo, mas acabou sofrendo a derrota no fim, que deixou o time mais uma vez fora do G-4

gustavomilioli
Gustavo Milioli

Fora de casa, o Avaí saiu perdendo por 2 a 0, buscou o empate, mas acabou cedendo outro gol aos 38 do segundo tempo e perdeu o duelo catarinense para o Criciúma por 3 a 2, neste sábado (15). Foi a segunda derrota seguida, que mantém a equipe fora do G-4 da Série B do Campeonato Brasileiro.

+ Confira as ofertas de nosso parceiro Futfanatics

Para o técnico Geninho, a derrota foi ainda mais dolorida. O treinador avaiano disse ter acreditado na virada, e por isso fez substituições ofensivas no decorrer do segundo tempo, mas que não resultaram no esperado.

Fomos superiores na maior parte do tempo. Começamos muito bem, talvez um dos melhores inícios de algum tempo. Tomamos o gol de bola parada de novo e desmontou o time, aí o Criciúma foi superior. Ficamos atabalhoados, muito espaço na frente da área. Segundo tempo foi completamente nosso, tivemos várias chances de fazer o terceiro e isso nos trouxe a expectativa de ganhar, por isso fiz as mexidas e coloquei o time para frente, pensei em ganhar o jogo, levar três pontos ao invés de um. No fim, acabamos tomando outro gol em bola alçada”, analisou.

Uma das mudanças foi a troca de André Moritz – que fazia uma boa partida – para a entrada de Maurinho. O atacante acabou levando um cartão vermelho nos acréscimos. Sobre a opção, Geninho justificou.

Eu queria colocar o time mais para frente, botar um jogador agudo. Ele (Moritz) estava bem, mas é mais estático. A ideia era levar o Luan para o meio, a posição dele e chegando à frente. A ideia foi transformar o time em mais ofensivo, o Moritz não saiu por deficiência, não estava mal no jogo. Às vezes você faz a substituição e é castigado. Se de repente eu colocasse o Matheus, ou voltado aos três zagueiros, poderíamos ter levado um ponto.”

Em uma rodada em que muitos times da parte de cima foram derrotados, o Avaí perdeu a chance de retornar ao grupo de acesso. Fato que atesta o equilíbrio da competição.

A rodada foi esquisita, muita gente perdeu ponto, líder perdeu, um fim de semana atípico em que quem vencesse, daria um salto. Não aproveitamos a oportunidade e o campeonato continua estreito até o fim”, acrescentou.

O Leão retorna a campo no próximo sábado (22), quando recebe o vice-lanterna Sampaio Corrêa, pela 28ª rodada da Série B. O confronto terá início às 21h, no estádio da Ressacada.

VAVEL Logo