Goiás vence Atlético-GO de virada e chega ao terceiro lugar da Série B
Foto: Divulgação / Atlético-GO

Goiás vence Atlético-GO de virada e chega ao terceiro lugar da Série B

Com gols de Michael e Lucão, alviverde derrota e ultrapassa o rival na tabela da Série B; mesmo com o revés, dragão segue no G-4

CaioCarvalho97
Caio Carvalho
GoiásMarcos; Alex Silva, Victor Ramos, David Duarte, Ernandes; Gilberto, Renato Cajá (Ratinho), Giovanni; Michael (Robinho), Lucão, Tiago Luis (Maranhão). Treinador: Ney Franco
Atlético-GOJefferson; Jonathan, Oliveira, Gilvan, Victor Oliveira (Mascarenhas); Pedro Bambu, João Paulo, Tomas Bastos (Vitinho); André Luis, Renato Kayzer, Julio César (Thiago Santos). Treinador: Cláudio Tencati
Placar0-1 (João Paulo, 06 min, 1°T). 1-1 (Michael, 31 min 1°T). 2-1 (Lucão, 06 min, 2°T).
ÁRBITROMarcelo de Lima Henrique (RJ), auxiliado por Michael Correia (RJ) e Silbert Faria Sisquim (RJ). Cartão Amarelo: Lucão (Goiás). Victor Oliveira (Atlético-GO).
INCIDENCIASGoiás x Atlético-GO. Partida válida pela 27ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Estádio Olímpico (GO). Público: 12.652.

Na noite deste sábado (15), Goiás e Atlético-GO disputaram o clássico regional no estádio Olímpico. Em jogo de torcida única - apenas a do time da casa -, as equipes entraram em campo disputando posição no G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. Se impondo e correndo atrás após sair atrás no placar, o Goiás venceu o rival por 2 a 1 e assumiu a terceira posição na tabela com 45 pontos. Já o Atlético-GO, se manteve entre os quatro primeiros, mas tem o Vila Nova na sua cola. Ambos estão empatados com 43 pontos. 

A etapa inicial mostrou porque os dois times brigam pelo acesso à Série A do Brasileirão. Apesar de um início motivador da equipe da casa, a primeira chegada com perigo foi do Atlético-GO, logo aos 5, com Renato Kayzer. Um minuto depois, João Pedro finalizou da intermediária com maestria, a bola bateu na trave e caiu dentro do gol, 1 a 0 para o Dragão. A partir daí, os visitantes gostaram do jogo, se soltaram em campo e quase ampliaram com Pedro Bambu, aos 8. Sentindo a necessidade de reagir dentro da partida, o Goiás pressionou e equilibrou as ações.

Aos 15, Giovanni chutou e obrigou Jefferson a fazer uma bela defesa, evitando o empate. O Atlético se fechou e passou a dar campo para o esmeraldino. Após muitas tentativas, veio a recompensa. Aos 31, Michael recebeu cruzamento e finalizou, mas o goleiro voltou a intervir. Porém, no rebote, o atacante fuzilou de direita para o fundo das redes e igualou o placar, 1 a 1. Com muito toque de bola, o Goiás jogava no campo de ataque e envolvia o adversário, que marcou muito bem e segurou o ímpeto do rival em um final de primeiro tempo bem movimentado. 

A segunda etapa começou animada, assim como a anterior. Empurrado pela sua torcida, o Goiás foi com tudo e virou o jogo logo aos 6 minutos. Michael tentou tocar para Tiago Luís, mas a bola passou e a zaga do dragão não afastou. Aproveitando a sobra, Lucão, artilheiro do campeonato, marcou o segundo do time da casa. O Atlético-GO não se deixou abater e quase empatou aos 10 com um chute forte de João Paulo. Aos 18, foi a vez de Tomas Bastos finalizar com efeito e assustar a meta do esmeraldino. 

O Goiás se fechou e apostou no contra-ataque. Jogando o tempo todo no campo do adversário, o Atlético errava muitos passes e não conseguia se impor de forma efetiva. O panorama foi o mesmo até os 48 e, no fim das contas, o alviverde conseguiu segurar o resultado e saiu de campo com a vitória no clássico goiano. 

Na 28ª rodada, o Goiás enfrentará a Ponte Preta, na próxima sexta-feira (21), às 19h15 (de Brasília), novamente no estádio Olímpico. O Atlético-GO terá pela frente o Juventude, na terça-feira (18), às 19h15 (de Brasília). 

VAVEL Logo

    Goiás Esporte Clube Notícias

    há 12 dias
    há 21 dias
    há 22 dias
    há um mês
    há um mês
    há um mês
    há um mês
    há 2 meses
    há 2 meses
    há 2 meses
    há 2 meses