Eduardo Baptista valoriza entrega do Sport, mas reconhece Palmeiras "melhor time do Brasil"
Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife

Eduardo Baptista valoriza entrega do Sport, mas reconhece Palmeiras "melhor time do Brasil"

Treinador ressaltou que time lutou de igual para igual com o Verdão

miguel-angelo
Miguel Inácio

O Sport recebeu um bom público no começo de noite deste domingo para enfrentar o Palmeiras. Mais de 18 mil torcedores estiveram na Ilha do Retiro para apoiar o Leão, mas o time acabou não correspondendo e sofrendo uma derrota por 1 a 0 contra o Verdão. Dentro de campo, o time brigou de igual para igual com o time de Felipão. Ou, pelo menos, foi isso que enxergou o técnico Eduardo Baptista.

"Fizemos um jogo equilibrado no primeiro tempo, com as equipes se estudando muito. Foi um jogo muito aéreo e de um nível técnico não muito legal. É ruim perder, mas temos que exaltar os jogadores que brigaram e correram contra a melhor equipe do Brasil. Eles lutaram. Criamos situações. Foi um jogo de igual para igual", disse.

+ Confira ofertas de nosso parceiro Futfanatics

O treinador inclusive usou as substituições feitas por Felipão para exemplificar a qualidade do elenco da equipe paulista.

"Enfrentamos a melhor equipe do Brasil e criar em cima dessa equipe, que não leva gols há não sei quantos jogos, é difícil. Tentamos e temos que pontuar que enfrentamos a melhor equipe do futebol brasileiro. É um time que tira um jogador e coloca Dudu, tira outro e coloca William Bigode e Guerra", completou.

Mas Eduardo está longe de jogar a toalha. Além de valorizar a presença da torcida, disse que o time precisará lutar até o final.

"Temos que trabalhar. O torcedor veio em peso e a matemática fica um pouco de lado, precisamos mostrar brio e lutar até o final. Temos que diminuir os erros e buscar encaixar melhor os jogadores para suprir os atletas que estão fora. Levamos o gol numa falta de atenção e novamente em jogada de bola parada”, finalizou.

VAVEL Logo