Marcelo Oliveira lamenta derrota do Fluminense para o Grêmio: ''Temos que nos indignar''
Foto: Mailson Santana/Fluminense

Marcelo Oliveira lamenta derrota do Fluminense para o Grêmio: ''Temos que nos indignar''

Time carioca acabou derrotado com gol sofrido aos 47 minutos do segundo tempo

rrodrigues_95
Rodrigo Rodrigues

A derrota sofrida para o Grêmio teve requintes de crueldade ao Fluminense. O jogo parecia se encaminhar a um morno 0 a 0, mas Everton, aos 47 minutos do segundo tempo, marcou, de letra, o gol que sacramentou a vitória gaúcha no Rio de Janeiro. De quebra, a equipe, assim como o técnico Marcelo Oliveira, saíram vaiados de campo pelos mais de oito mil torcedores presentes no estádio Nilton Santos. 

+ Confira as ofertas de nosso parceiro FutFanatics

''Foi amargo da forma que foi. Grêmio teve mais chance, mas tivemos algumas muito boas. Às vezes quando não se consegue ganhar, um ponto é importante. Mas levamos o gol. Temos que nos indignar, sofrer um pouco, mas não perder a confiança para quinta. Outro dia, o Nacional se classificou sobre o San Lorenzo. E a torcida do San Lorenzo ficou gritando o nome dos jogadores após o jogo. É uma cultura diferente. Nossa cultura é essa de qualquer substituição que se faz, mesmo você sendo um profissional experiente, vendo o dia a dia, quando o time não ganha, você é questionado pelo torcedor'', disse.

O treinador também explicou as substituições que fez durante o jogo. Mateus Norton, Marcos Junior e Kayke entraram nas vagas de Léo, Gum e Sornoza, respectivamente.

''As alterações são baseadas nas coisas que vemos nos treinos. Luciano é um jogador que vindo de trás tem chute bom. Nós teríamos um jogador mais descansado mais adiante. Achei que o Sornoza estava se movimentando bem, mas criou pouco para um meia. Ficou sacrificado no 1º tempo, marcando o lateral esquerdo. No 2º tempo, com a entrada de Marcos Jr., ele ficou mais livre. Às vezes a substituição não é só técnica, pode ser tática, física e até disciplinar. Como estava com uma linha de quatro firme e dois volantes, apostei na velocidade do Marcos Jr. e do Everaldo, com o Luciano fazendo um pouco de armação, mas chegando à frente'', encerrou,

O Fluminense agora foca suas atenções para a Copa Sul-Americana, onde enfrenta o Deportivo Cuenca, na quinta-feira (4), às 19h30, no Maracanã. Para este jogo, promessa de casa cheia: mais de 20 mil ingressos já foram vendidos antecipadamente. 

MEDIA: 5VOTES: 1
VAVEL Logo