Árbitro relata na súmula agressividade de jogadores e comissão técnica do Vitória
Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Árbitro relata na súmula agressividade de jogadores e comissão técnica do Vitória

Episódio foi consequência de erros de arbitragem, na derrota do Rubro-negro baiano para o Internacional

miguel-angelo
Miguel Inácio

O árbitro Sávio Pereira Sampaio relatou em súmula, divulgada na manhã desta segunda-feira (1), xingamentos de Neílton e do diretor de futebol do Rubro-negro baiano, Jorge Machado, bem como um empurrão do auxiliar técnico, Rodrigo Carpegiani, ao quarto árbitro da partida entre Internacional e Vitória. O episódio aconteceu depois de Sampaio marcar um pênalti inexistente a favor do Colorado, convertido por D'Alessandro, que decretou a derrota dos baianos.

+ Confira ofertas de nosso parceiro Futfanatics

O atacante Neílton já tinha sido substituído no momento do pênalti, mas fez questão de entrar em campo para reclamar da arbitragem ao final do jogo, xingando o árbitro.

"Após o término do jogo, com a equipe de arbitragem ainda no campo de jogo, expulsei com cartão vermelho direto o atleta de n° 10 - Neilton Meira Mestzk, da equipe do Vitória, por proferir as seguintes palavras de forma ofensiva, com dedo em riste e repetidamente: " Você é um safado, vai tomar no c..., seu ladrão, era isso que você queria seu covarde." após a expulsão o atleta citado continuou repetindo os mesmos dizeres, sendo contido e retirado do campo por seus colegas de equipe", relatou.

Sampaio mencionou também xingamentos e um empurrão por parte de Rodrigo Carpegiani, auxiliar técnico do Leão da Barra.

"Aos 39 minutos do segundo tempo, após ser informado pelo quarto árbitro, Tiago Augusto Kappes Diel, expulsei da área técnica do Vitória o auxiliar técnico Rodrigo Meneghetti Carpegiani, por conduta incorreta, proferindo as seguintes palavras "agora ficou escancarado que estão roubando de nós, sempre contra nós seus ladrões, vai tomar no c... de vocês". Empurrou o quarto árbitro pelas costas usando a mão direita quando vinha em minha direção, sendo contido pelos companheiros de clube na área técnica", afirmou.

O árbitro revelou ainda ter sido abordado e xingado por Jorge Machado, diretor de futebol do Vitória, enquanto ia para o vestiário da arbitragem no Beira-rio.

"Após o final da partida quando a equipe de arbitragem se dirigia ao vestiário da arbitragem acompanhado pelo policiamento passando pelo túnel que da acesso ao vestiário das equipes, identificamos o diretor de futebol da equipe do vitória, Jorge Machado que proferiu as seguintes palavras: "Seu safado tem que ter coragem para apitar aqui, seu ladrão, já é a segunda vez que você nos prejudica, você é um ladrão", comentou.

Em coletiva após a partida, o técnico Paulo César Carpegiani e o presidente do Vitória, Ricardo David, criticaram a arbitragem. A derrota deixou o Rubro-negro baiano na 16ª colocação, com a mesma pontuação do Vasco, 17º colocado.

VAVEL Logo

Esporte Clube Vitória Notícias

há 4 dias
há 5 dias
há 7 dias
há 10 dias
há 10 dias
há 20 dias
há 25 dias
há 25 dias
há um mês
há um mês
há um mês