Rodrigo Andrade menospreza queda de rendimento e avalia defesa: "Às vezes a gente dorme"
Foto: Mauricia da Matta/EC Vitória

Rodrigo Andrade menospreza queda de rendimento e avalia defesa: "Às vezes a gente dorme"

Leão continua com pior defesa do Brasileirão, e não vence há três partidas

miguel-angelo
Miguel Inácio

O sistema defensivo do Vitória continua dando o que falar. Grande problema a ser resolvido, desde o começo da temporada, evidencia sua urgência em números. Em 27 jogos no Brasileirão, o Rubro-negro baiano sofreu 48 gols. As quatro partidas consecutivas sem tomar gols pareceu uma esperança de que o problema tinha passado para o Leão da Barra. Mas, nos últimos três jogos, o time só perdeu e ainda levou 8 gols. Para o volante Rodrigo Andrade, o problema na defesa é desatenção.

"Acho que, às vezes, a gente dorme, coisa que não pode acontecer. A gente vai para atacar, não faz, fica exposto e toma o gol. Isso não pode acontecer", disse.

A sequência negativa colocou o Vitória de volta na zona de rebaixamento. A diferença é pouca para o 16º, Vasco. Apenas um ponto separam as duas equipes. Apesar do novo mal momento Rubro-negro, Andrade não considera que haja uma queda de rendimento do time.

"É preocupante, mas queda de rendimento não teve. A gente tinha adversário. Adversários qualificados. O Vitória jogou de igual para igual. Falando sobre o Z-4, é preocupante, mas só a gente pode mudar isso", afirmou.

O volante também considera que o momento é reversível e pediu o apoio da torcida para ajudar o time a superar mais essa turbulência na Série A.

"Acho que está perto de sair. Para chegar no décimo falta pouco. É ter calma, a torcida vir apoiar. Sem eles não somos nada. Vamos sair disso. É um momento. Não pode ficar nessa posição, já está acabando. Se Deus quiser, vai mudar isso, começar por sexta-feira", finalizou.

Na sexta-feira, o Vitória enfrenta o Santos, no Barradão, às 21h30. A partida é válida pela 28ª rodada do Brasileirão. O Rubro-negro baiano tem que pontuar contra o Peixe e secar o rival, Bahia, o Ceará e o Vasco para conseguir sair do Z4.

VAVEL Logo