Ameaçado pelo rebaixamento, CRB recebe vice-líder Goiás pela Série B
Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás EC

Ameaçado pelo rebaixamento, CRB recebe vice-líder Goiás pela Série B

Alagoanos querem fugir da zona de rebaixamento, enquanto os Esmeraldinos lutam pelo acesso à Série A

miguel-angelo
Miguel Inácio

O CRB recebe o Goiás na noite desta sexta-feira (19), em confronto válido pela 32ª rodada da Série B. Em momento delicado, o Galo precisa vencer para sair do Z-4 da Segundona. Mas tem pela frente um adversário que briga pelo título do campeonato.

Na 17ª posição, os Regatianos não vencem há sete jogos. Reflexo de um time que possui o pior ataque da competição, com apenas 22 gols marcados em 31 partidas. O CRB não vence uma partida pela Série B desde o mês de agosto.

Já o Goiás, tem posição confortável no G-4, mantendo a vice-liderança, que pode levá-lo a fazer uma reta final de competição mais tranquila. A diferença para o quinto colocado provisório, Atlético-GO, que já jogou na rodada, é de cinco pontos, mas o rival ainda pode ser ultrapassado por Vila Nova e Guarani. Por outro lado, o Alviverde ainda persegue o Fortaleza, atual líder, que tem vantagem de quatro pontos sobre os goianos.

CRB precisa melhorar pontaria

Vindo de empate contra o Paysandu, adversário direto na briga contra o rebaixamento, as expectativas não são as melhores para o time da casa. Nem o retrospecto do confronto ajudam. Nas sete vezes que se enfrentaram pela Série B no sistema de pontos corridos, CRB e Goiás jamais empataram. A vantagem é do time goiano, com cinco vitórias contra duas do Alvirrubro de Maceió. Com o ataque em baixa, Roberto Fernandes chegou a cutucar os atacantes Neto Baiano e Rafael Costa.

“Os dois estão precisando melhorar. O Neto já tem uma história no CRB. Mas a temporada dos dois é abaixo do que já produziram em anos anteriores”, afirmou.

O ataque é onde mora a dúvida do CRB. Neto Baiano não vem atuando bem e Rafael Costa ainda não marcou pelo Alvirrubro alagoano. Quem está de fora é Diego Rosa, cumprindo suspensão. O Galo deve vir a campo com: João Carlos; Edson Ratinho, Everton Sena, Anderson Conceição e Paulinho; Claudinei, Serginho e Renan Oliveira; Willians Santana, Iago e Neto Baiano (Rafael Costa).

Embalado, Goiás repete escalação

Após vencer o Juventude por 5 a 3, Ney Franco deve repetir a escalação do Goiás. Mas o treinador deixou claro que o Alviverde Esmeraldino vai ter que manter o nível para subir de divisão.

“Temos que jogar muito ainda. São sete rodadas. Estamos cinco pontos à frente do quinto colocado, são números próximos. Não existe garantia de acesso, não podemos cair nessa armadilha de já estarmos na Série A. Ainda não estamos. O Fortaleza, sim, está bem encaminhado. O Goiás, não. Cinco pontos em sete rodadas dá para tirar”, analisou.

Pelo lado do Goiás, Ney Franco ainda não tem Victor Ramos à disposição, lesionado. Suspenso, Felipe Gedoz também não entra em campo. Sendo assim, a escalação deve ser a mesma que venceu o Juventude: Marcos; Alex Silva, David Duarte, Edcarlos e Ernandes; Gilberto, Giovanni e Renato Cajá; Michael, Rafinha e Lucão.

VAVEL Logo