Surpreso com derrota na estreia, Levir já projeta próxima temporada do Atlético-MG: "É meu maior trunfo"
Foto:Divulgação/Atlético-MG 

Surpreso com derrota na estreia, Levir já projeta próxima temporada do Atlético-MG: "É meu maior trunfo"

Treinador espera conhecer melhor o elenco e já garantir a formação do próximo ano

izabellefranca
Izabelle França

amSob nova direção, o Atlético-MG de 1 a 0 para o Fluminense, neste domingo (21), no estádio Nilton Santos,  pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O técnico Levir Culpi não esperava recomeçar sua trajetória no time alvinegro com pé esquerdo. Segundo ele, o confronto foi equilibrado e quando teve a chance no pé da chuteira, deixou escapar.

“Esse resultado foi um pouco surpreendente para nós porque, pelas oportunidades, o jogo foi muito igual e teríamos saído na frente com uma penalidade. Tivemos os problemas de um jogo normal, mas o fato é que deu para observar já a atitude de alguns jogadores”,explicou.  

O comandante atleticano comentou que espera aproveitar a reta final do torneio nacional para deixar o elenco pronto para a próxima temporada.

“Esse que é o meu maior trunfo até o final da temporada, observar os jogadores para poder montar a nossa formação para o ano que vem. Seria muito interessante entrar no ano que vem já com a formação do elenco praticamente. Não vou dizer 100%, mas quanto mais melhor. Então, os jogos são importantes. Alguns ainda não conheço o desempenho deles. Achei que eles se empenharam, correram bem, tiveram um jogo igual. Se o jogo ficasse empate ou vitória para o Atlético, também seria a mesma coisa. Então, foi um jogo igual. Não dá para lamentar, é olhar para frente e ver o próximo jogo”, frisou.

A próxima partida do Galo será contra o Ceará, próxima segunda-feira (29), no Castelão. Levir destacou a importância de ter uma semana de treinamento, no qual, poderá ter mais familiaridade com os jogadores.

“Trabalhar uma semana sempre é bom para a comissão técnica. Não quer dizer que ela é definitiva assim, mas, realmente, quando você faz trabalho físico, trabalho técnico, trabalho tático, de preparação, uma semana para jogar, você realmente sente mais confiança no grupo e os jogadores podem se sentir mais à vontade também”, finalizou.

VAVEL Logo