Em situações opostas, Vila Nova e Criciúma fazem decisão na Série B
Foto: Caio Marcelo/Criciúma EC

Em situações opostas, Vila Nova e Criciúma fazem decisão na Série B

Colorado joga para manter viva a chance de acesso; Tricolor quer livrar-se do perigo da zona de rebaixamento

gustavomilioli
Gustavo Milioli

Neste sábado (17), no estádio Serra Dourada, Vila Nova e Criciúma jogarão a vida pelos seus objetivos na Série B. Na penúltima partida da competição, os mandantes precisam de uma vitória para chegar à rodada final com chances de subir. O Colorado ocupa a sétima posição, com 55 pontos, dois a menos do que o arquirrival Goiás, atual quarto colocado. Por outro lado, o Carvoeiro está em 15º, com 43 pontos e apenas um de vantagem em relação à zona de rebaixamento.

Hemerson Maria prevê jogo nervoso

Pela alta carga de tensão em volta das duas equipes, o técnico do Vila, Hemerson Maria, acredita que o fator mental pode ser determinante para o resultado final da partida.

"O Criciúma está buscando a vitória para escapar de vez do rebaixamento. Uma equipe que vem pressionada como o Criciúma arruma força de onde não tem, se mobiliza mais. Eles viajaram para Porto Alegre, treinaram no CT do Grêmio, anteciparam a viagem. Temos que tomar as precauções e ter a consciência que estamos jogando bem em casa. Será um grande jogo, nervoso, difícil, mas jogando no nosso limite temos condições de vencer", avaliou o comandante.

Hemerson terá à disposição todos os jogadores que participaram da goleada sobre o Figueirense na última rodada. O único desfalque segue sendo o volante Wellington Reis, lesionado. Caso repita a escalação, o Vila deve ir a campo com: Rafael Santos; Maguinho, Wesley Matos, Diego Giaretta e Hélder; Geovane, Moacir, Mateus Anderson, Alan Mineiro e Juninho; Elias

Para garantir permanência, Mazola Júnior quer preocupação apenas "com o Criciúma"

Vindo de sete jogos sem vencer, o Criciúma segue dependendo apenas de si mesmo para evitar o rebaixamento. Atento aos adversários, o técnico Mazola Júnior mostrou bom humor com a situação e frisou que o foco está nos jogos do Tigre catarinense.

"Acho melhor abolir a missão de secar, estamos secando o Paysandu faz tempo e eles estão ganhando todas. Vamos nos preocupar com a gente, com o Criciúma, que possa fazer 90 minutos bons em Goiânia como fez 45 aqui com o CRB", declarou.

Mazola terá como desfalque o volante Marlon Freitas, que recebeu o terceiro cartão amarelo no último compromisso. Contudo, terá o retorno de Jean Mangabeira, que volta de suspensão automática.

O treinador deve mandar a campo o time com: Belliato; Sueliton, Sandro, Fábio Ferreira e Marlon; Liel, Jean Mangabeira, Eduardo e Elvis; Vitor Feijão e Zé Carlos.

VAVEL Logo