Renato quer Grêmio focado por vaga direta na Libertadores: ''Temos que fazer nossa parte''
Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O Grêmio tropeçou diante do Flamengo no Rio de Janeiro. A equipe de Renato Portaluppi perdeu o jogo por 2 a 0 e tem a vaga no G-4 ameaçada. Após o duelo, o comandante comentou o que viu em campo.

“Nosso time estava muito estático. Tocava a bola e esperava o companheiro decidir a jogada. O time do Flamengo estava diferente, estava se movimentando bastante, da mesma forma que eu quero que minha equipe jogue. Hoje a gente não estava tendo a movimentação, então ficou fácil pro Flamengo nos marcar. A gente não conseguiu sair de trás, por isso o Flamengo ficou pensando a gente dentro do nosso campo”, avaliou.

Correndo o risco de não conseguir vaga direta para a Libertadores, Renato quer ficar nas rodadas restantes. O técnico gremista não quer depender de outros resultados.

“Tem muita coisa ainda pra acontecer no Campeonato Brasileiro. O importante é a gente levantar a cabeça, temos mais um compromisso difícil contra o Vitória domingo. Temos que jogar e buscar os três pontos. Não adianta a gente ficar torcendo pro São Paulo tropeçar. A gente tem que fazer nossa parte”, afirmou.

No primeiro gol da partida houve um lance polêmico. Gremistas reclamaram de falta em Bruno Cortez. Para o comandante, se marcada a falta, a história do jogo poderia ser diferente.

“Todo mundo sabe que eu não falo de arbitragem, não cabe a mim, vou continuar elogiando a arbitragem brasileira, mas vocês viram o que aconteceu no primeiro gol. Inacreditável. Não estou tirando os méritos do Flamengo, mas até então, estava 0 a 0”, analisou.

Precisando vencer para garantir vaga direta na Libertadores,o Grêmio enfrenta o Vitória no domingo. A equipe luta para não ser rebaixada. Quando a isso, Renato ressalta que cada clube luta por um objetivo.

“Cada equipe busca o que é necessário para seu clube. Então o Vitória tá com muita dificuldade no campeonato, mas. O Grêmio não tem nada a ver com isso. O Grêmio briga pelo G-4. O Vitória vai tentar ganhar o jogo para não ser rebaixado. O Grêmio vai tentar ganhar o jogo para garantir uma vaga no G-4. O campeonato é sempre a mesma coisa. Uns brigando pelo título, outros para não cair”, ressaltou.

Renato falou ainda sobre a possibilidade de comandar a equipe carioca no futuro. O comandante ainda não definido seu paradeiro na próxima temporada.

“Eu acho que qualquer jogador quer jogar no Flamengo, assim como qualquer treinador gostaria de treinar o Flamengo. Mas o Grêmio também é grande. O Grêmio e muito grande, tem uma torcida imensa. Então, são dois grandes clubes, com grandes jogadores, clubes que disputam grandes competições. Ganham campeonatos, sempre dão alegria a torcida”, destacou.

Ele também falou sobre estar realizando um sonho no comando gremista, assim como um dia quer realizar comandando o Flamengo. No entanto, diz que o momento é de focar na reta final do Brasileirão.

“Treinar o Flamengo era um sonho que eu tinha de treinar o Grêmio também. Até porque me criei dentro do Grêmio, ajudei a conquistar muitos títulos. Fico feliz por ter realizado meu sonho de treinar o Grêmio, continuo treinando o Grêmio. Tenho o sonho de treinar o Flamengo. Quando vai ser, não sei. Mas sei que esse sonho vai chegar. Por enquanto estou bem no Grêmio e faltam duas rodadas e o mais importante é continua brigando pra colocar o clube no G-4 e garantir uma vaga na Libertadores direto”, completou.

VAVEL Logo