Abad pede apoio da torcida nos jogos decisivos do Fluminense: "Defender o clube que ama"
FOTO: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.

Abad pede apoio da torcida nos jogos decisivos do Fluminense: "Defender o clube que ama"

Presidente não deu um prazo para regularizar os salários atrasados

jessicaalbuquerque
Jéssica Albuquerque

O presidente do Fluminense, Pedro Abad, concedeu entrevista nesta terça-feira (27). Ele falou sobre a semana decisiva do Tricolor, com o jogo de volta na Sul-Americana, contra o Atlético-PR, e o jogo de domingo, pelo Campeonato Brasileiro, contra o América-MG.

"Vivemos uma semana fundamental para o clube e eu queria pedir para o torcedor que, nestes cinco dias, que mantenham o foco no clube. Jogadores, presidentes... tudo isso passa, quem fica é o clube" disse o presidente.

Ele também falou sobre as críticas que vem sofrendo, afirmou que elas são ouvidas, e pediu o apoio da torcida.

"As críticas são sempre bem vindas, ninguém se fecha a ouvir, mas estamos em uma cruzada nestes cinco dias. Não só amanhã, como domingo, precisamos que a torcida apoie o clube neste momento".

Abad mais uma vez admitiu que as dificuldades financeiras existem, mas afirmou que está trabalhando para melhorar a situação e fez mais um apelo à torcida.

"A gente entende que os resultados dentro de campo geram, com certeza, insatisfação, mas eu volto a dizer, a diretoria trabalha fora de campo, os jogadores trabalham em campo e o torcedor está sendo convocado agora para trabalhar na arquibancada".

O presidente do Fluminense pediu que assuntos fora de campo sejam esquecidos pelo menos essa semana. E fez questão de dizer que esses assuntos serão retomados depois de domingo.

"A torcida tem que trabalhar no estádio, depois a gente volta. A partir de domingo, a gente pode voltar a todos esses assuntos, são totalmente pertinentes".

Quando perguntado se há um prazo para o pagamento dos salários atrasados, Abad preferiu não estipular uma data para evitar erros com os jogadores. A informação recebida pela reportagem da VAVEL Brasil é que a diretoria trabalha para quitar todos os atrasados até a tarde desta quarta-feira (28), antes da partida decisiva contra o Atlético-PR.

"O prazo sempre é o mais rápido possível, a gente sempre está trabalhando para resolver. A gente não pode dizer uma data, depois acaba errando com os atletas e isso eu não vou fazer".

O presidente também afirmou que a diretoria conversa com os jogadores e exaltou o empenho da equipe dentro de campo, mesmo com as questões financeiras.

"Os jogadores estão se empenhando dentro de campo, óbvio que essa questão financeira atrapalha, tira o foco, mas sempre houve entrega dentro de campo. A gente não tem do que reclamar. A gente conversa com eles e é uma situação que vai passar".

Ele aproveitou para garantir que a partida contra o América-MG será no Maracanã. Havia a dúvida pois o Flamengo também irá jogar no Rio de Janeiro neste final de semana.

"Eu saí da CBF agora e a informação que eu tive é que o jogo do Fluminense, no domingo, vai ser no Maracanã".

Sobre a motivação que o torcedor terá para ir aos próximos jogos, ele afirmou que a motivação é fazer o clube ser cada vez maior, e que o torcedor ama nos bons e maus momentos.

"A movimentação política no clube não está boa, isso acaba levando de uma forma não muito boa, mas eu acho que, nesse momento, essas questões têm que ser deixadas de lado. A motivação pro torcedor ir é defender o clube que ama. A gente ama nos bons momentos e nos maus".

Sobre a possível venda do atacante Pedro, ele despistou e garantiu que as obrigações financeiras vão estar em dia mesmo se não houver a venda.

"São vários problemas que aconteceram no ano. Vender um atleta, infelizmente, faz parte dos clubes do Brasil. É natural que isso abasteça o caixa e na minha opinião isso reforça o trabalho que a gestão vem fazendo. As obrigações financeiras vão estar em dia mesmo sem a venda do Pedro" finalizou.

Na próxima quarta-feira (28), o Fluminense recebe o Atlético-PR no Maracanã, às 21h45, pelo jogo de volta da semifinal da Sul-Americana. O Furacão venceu a primeira partida por 2 a 0. Para se classificar, o Fluminense precisa vencer por pelo menos três gols de diferença. Se vencer pelo menos placar, a vaga será decidida nos pênaltis.

VAVEL Logo

Fluminense FC Notícias