Criciúma repatria lateral Maicon, ex-Seleção Brasileira
Maicon não joga desde o fim de 2017 (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí)

Criciúma repatria lateral Maicon, ex-Seleção Brasileira

Além dele, o goleiro Bruno Grassi, ex-Grêmio, também foi anunciado

gustavomilioli
Gustavo Milioli

O Criciúma anunciou duas novas contratações para a próxima temporada. Durante reunião do Conselho Deliberativo na noite desta sexta-feira (21), o presidente Jaime Dal Farra comunicou o acerto com o lateral-direito Maicon, ex-Seleção Brasileira, e com o goleiro Bruno Grassi, ex-Grêmio.

Com as novidades, agora são quatro caras novas no Heriberto Hülse. Antes, o meia Daniel Costa, ex-CSA, e o atacante Reis, ex-Vila Nova, já haviam sido anunciados.

O elenco carvoeiro se reapresenta na próxima quarta-feira, 26 de dezembro, para dar início à pré-temporada de 2019. O primeiro compromisso do Tigre será pelo Campeonato Catarinense, competição que estreia em casa, no dia 17 de janeiro, contra o Figueirense.

Para encerrar onde tudo começou

Maicon, aos 37 anos, procurou a diretoria do Criciúma para encerrar a carreira no clube em que foi revelado. O atleta não atua desde o fim de 2017, quando disputou o Brasileirão pelo Avaí. Apesar do longo tempo parado, ele garante estar bem preparado fisicamente. Por isso, assinou um contrato por produtividade.

O jogador possui vasta experiência internacional. No velho continente, vestiu as camisas de Monaco, Manchester City e Roma, mas foi na Inter de Milão onde viveu o melhor momento. No clube italiano, dentre outros títulos, venceu a Champions League e o Mundial de Clubes, em 2010.

Pela seleção nacional, Maicon disputou as Copas de 2010 e 2014. Foi campeão da Copa América, em 2004 e 2007, e da Copa das Confederações, em 2005 e 2009. Ao todo, foram 77 partidas disputadas com a Amarelinha.

Mais uma opção

Bruno Grassi, de 31 anos, chega para disputar posição com Luiz, titular da meta nos últimos anos. O arqueiro se desvinculou do Grêmio, onde estava desde 2015, para assinar com o Criciúma. Além de Luiz, ele também se junta a Vinícius e Ronaldo, formados na base do Tigre.

Foto: Lucas Uebel/Grêmio
Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Catarinense de Tubarão, Bruno iniciou no Internacional e acumula passagens por Marítimo-POR, Ypiranga, Passo Fundo e Mogi Mirim. Após fazer um bom Gauchão pelo Cruzeiro-RS, chegou ao Grêmio em maio de 2015. Pelo Tricolor gaúcho, disputou 29 partidas, cinco delas na última temporada. Ele era o terceiro goleiro da equipe de Renato Portaluppi, atrás de Marcelo Grohe e Paulo Victor.

VAVEL Logo